Busca avançada
Ano de início
Entree

Triagem de isolados clínicos de Leishmania SP. para sequenciamento genômico

Processo: 19/03095-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Sandra Regina Costa Maruyama
Beneficiário:Talita Yuri Takahashi
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/20258-0 - Leishmaniose visceral: abordagens genômicas para análise molecular integrada do hospedeiro e do parasito, AP.JP
Bolsa(s) vinculada(s):19/12142-0 - Genômica estrutural de dois isolados clínicos obtidos de um caso fatal de leishmaniose visceral atípica, BE.EP.MS
Assunto(s):Leishmania   Genômica   Leishmaniose visceral

Resumo

Os protozoários do gênero Leishmania são espécies parasitas capazes de causar um grupo doenças conhecidas como leishmanioses. A transmissão dos parasitos para um hospedeiro vertebrado é dependente de um vetor flebotomíneo. A leishmaniose visceral (LV), dentre as leishmanioses, é o tipo mais letal da doença por causar danos graves, atingindo órgãos como o baço, fígado e medula óssea. Regiões tropicais como Oriente Médio, sul da Ásia, Europa, América Central e América do Sul são endêmicas para a LV, atingindo em grandes proporções países como o Brasil (90% dos casos nas Américas). Por se tratar de uma doença negligenciada, os tratamentos são pouco desenvolvidos e o número de fatalidade é evidente dentre todas as faixas etárias. O nordeste brasileiro é uma região endêmica para LV, sendo a mais afetada pela doença, onde ocorre um grande risco para a população infectada. O desenvolvimento da doença está relacionado com fatores da interface parasito/hospedeiro e análises de conteúdo genômico de isolados clínicos de Leishmania podem ajudar a entender quais fatores da doença e resposta ao tratamento são inerentes à diversidade genética do parasito. Desse modo, o objetivo principal desse projeto será realizar a triagem de isolados clínicos obtidos de pacientes diagnosticados com LV na região de Aracajú - Sergipe, a fim de elencar quais amostras serão submetidas para Whole-Genome Sequencing (WGS) na plataforma Illumina para obtenção de sequências genômicas completas dos parasitos causadores da LV nessa região endêmica. Para isso, a triagem englobará o estudo da morfologia dos parasitos, bem como a caracterização de regiões extremamente conservadas do genoma por análise de sequência de DNA e filogenética molecular. Os dados gerados serão úteis para a construção de um painel informativo sobre as dezenas de amostras analisadas, o qual norteará a seleção de isolados clínicos para sequenciamento genômico. Além disso, este projeto tem como objetivo secundário, sistematizar a análise dados de sequenciamento genômico obtidos anteriormente para alguns isolados clínicos, o que facilitará a análise de Genômica Comparativa de Leishmania em estudos futuros do grupo de pesquisa o qual este projeto faz parte.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARUYAMA, SANDRA R.; DE SANTANA, ALYNNE K. M.; TAKAMIYA, NAYORE T.; TAKAHASHI, TALITA Y.; ROGERIO, LUANA A.; OLIVEIRA, CAIO A. B.; MILANEZI, CRISTIANE M.; TROMBELA, VIVIANE A.; CRUZ, ANGELA K.; JESUS, AMELIA R.; BARRETO, ALINE S.; DA SILVA, ANGELA M.; ALMEIDA, ROQUE P.; RIBEIRO, JOSE M.; SILVA, JOAO S. Non-Leishmania Parasite in Fatal Visceral Leishmaniasis Like Disease, Brazil. Emerging Infectious Diseases, v. 25, n. 11, p. 2088-2092, NOV 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.