Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização fenotipica e análise genômica de parasitos Crithidia-like obtidos de pacientes diagnosticados com leishmaniose visceral

Processo: 18/26799-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Sandra Regina Costa Maruyama
Beneficiário:Luana Aparecida Rogerio
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/20258-0 - Leishmaniose visceral: abordagens genômicas para análise molecular integrada do hospedeiro e do parasito, AP.JP
Assunto(s):Crithidia   Leishmaniose visceral   Genômica comparativa

Resumo

As Leishmanioses constituem um grupo de doenças negligenciadas, de caráter antropozoonótico, que podem ser causadas por mais de 20 espécies de protozoários do gênero Leishmania. A Leishmaniose Visceral (LV), foco deste projeto, é a forma mais grave da doença podendo ser fatal se não tratada ou diagnosticada incorretamente. O Brasil é um país endêmico para LV, no qual a maior incidência ocorre no Nordeste brasileiro. Entretanto, nos últimos anos a LV se espalhou por diversas regiões, avançando inclusive no estado de São Paulo, com potencial de se tornar um problema sério de Saúde Pública no estado dentro de poucos anos. É causada pela espécie L. infantum. Supreendentemente, resultados preliminares têm mostrado que isolados clínicos de LV obtidos em região endêmica no Nordeste não pertencem ao gênero Leishmania e são filogeneticamente mais relacionados ao gênero Crithidia. Espécies desse último gênero pertencem ao grupo de tripanosomatídeos monoxênicos, i.e., infectam apenas um hospedeiro, neste caso, invertebrados. Crithidias infectam exclusivamente insetos e são consideradas não patogênicas aos humanos. A fim de avaliar esses isolados clínicos Crithidia-like, este projeto tem por objetivos caracterizar fenotipicamente e realizar a análise genômica desses parasitos. Para isso, culturas de formas promastigotas serão analisadas para parâmetros de crescimento, morfológicos e infectividade in vitro. O DNA genômico será sequenciado e usando diferentes ferramentas de Bioinformática, o genoma será montado e comparado à outras espécies de tripanosomatídeos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARUYAMA, SANDRA R.; DE SANTANA, ALYNNE K. M.; TAKAMIYA, NAYORE T.; TAKAHASHI, TALITA Y.; ROGERIO, LUANA A.; OLIVEIRA, CAIO A. B.; MILANEZI, CRISTIANE M.; TROMBELA, VIVIANE A.; CRUZ, ANGELA K.; JESUS, AMELIA R.; BARRETO, ALINE S.; DA SILVA, ANGELA M.; ALMEIDA, ROQUE P.; RIBEIRO, JOSE M.; SILVA, JOAO S. Non-Leishmania Parasite in Fatal Visceral Leishmaniasis Like Disease, Brazil. Emerging Infectious Diseases, v. 25, n. 11, p. 2088-2092, NOV 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.