Busca avançada
Ano de início
Entree

Co-criação e transições urbanas sustentáveis na Macrometrópole Paulista: diagnóstico institucional e governança ambiental no Sul Global

Processo: 19/05644-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 19 de julho de 2019
Vigência (Término): 04 de julho de 2020
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Pedro Roberto Jacobi
Beneficiário:Pedro Henrique Campello Torres
Supervisor no Exterior: Oran Young
Instituição-sede: Instituto de Energia e Ambiente (IEE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Local de pesquisa : University of California, Santa Barbara (UC Santa Barbara), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:18/06685-9 - Novos meios de cooperação científica para a inovação na governança socioambiental da Macrometrópole Paulista, BP.PD
Assunto(s):Governança ambiental

Resumo

A complexidade da dinâmica atual do funcionamento institucional, seja de regimes internacionais ou subnacionais, tem levantado a importância de novos arranjos de governança em suas várias escalas. Este projeto visa discutir e aplicar modelos teóricos que contribuam para a compreensão do processo de formulação de políticas públicas ambientais. A análise focará no processo de formação da agenda (setting-setting), buscando investigar como uma questão específica se torna importante em um dado momento, focalizando a atenção do governo e integrando sua agenda. O objetivo específico será testar duas metodologias aplicadas a modelos de governança e políticas públicas para a Macrometrópole Paulista. Uma baseada no Diagnóstico Institucional, visando compreender os processos e arranjos institucionais, bem como seus praticantes. A segunda é a aplicação do modelo de Kingdon para entender por que a formação de uma megarregião pelo Governo de São Paulo. Nesse sentido, o objetivo e a relevância deste projeto é contribuir em duas frentes no âmbito da governança ambiental: uma é novas ferramentas e metodologias para uma prática inovadora e de governança para o território da Macrometrópole paulista. A outra é beneficiar todos os 5 grupos do Projeto Temático "Governança Ambiental da Macrometrópole Paulista face à variabilidade climática" (15 / 03804-9) com esses novos instrumentos em um processo de aprendizado e co-criação social.