Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil de bioatividade de extratos brutos de Eugenia pyriformis usando metabolômica de 1H RMN e perfil quádruplo de alta resolução de alfa-amilase/alfa-glucosidase/PTP1B/antioxidante combinados com HPLC-PDA-HRMS-SPE-NMR

Processo: 19/07596-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 24 de junho de 2019
Vigência (Término): 23 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Pesquisador responsável:Melissa Gurgel Adeodato Vieira
Beneficiário:Elissandro Jair Klein
Supervisor no Exterior: Dan Staerk
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Copenhagen, Dinamarca  
Vinculado à bolsa:15/22952-9 - Obtenção e purificação de ± e ß-amirina a partir de folhas de uvaia (Eugenia pyriformis Cambess), BP.DR
Assunto(s):Produtos naturais

Resumo

A pesquisa sobre plantas medicinais tem sido de grande importância na busca de novos fármacos. Uma planta com poucos estudos, mas com potenciais aplicações farmacêuticas, é a Eugenia pyriformis Cambess, uma espécie arbórea nativa do Brasil. Ainda não há estudos sobre as aplicações de E. pyriformis utilizando as técnicas bioanalíticas avançadas propostas neste projeto. Técnicas como a metabolômica de RMN de 1H e perfis de bioatividade de alta resolução/HPLC-PDA-HRMS-SPE-RMN são ferramentas poderosas para a identificação de compostos antidiabéticos em plantas e aceleram a identificação de novos compostos bioativos. Neste projeto, os extratos de E. pyriformis serão inicialmente investigados utilizando análise de PCA de espectros de RMN de 1H de 600 MHz, e isso, ligado a bioatividades dos extratos, permitirá realizar análises de covariância e identificar os componentes individuais responsáveis pela bioatividade. Depois disso, será realizado um perfil quádruplo de alta resolução de alfa-amilase/alfa-glicosidase/PTP1B/antioxidante - o que me permitirá apontar os picos de HPLC diretamente correlacionados com uma ou mais bioatividades. A estrutura dos constituintes bioativos será subsequentemente estabelecida utilizando HPLC-PDA-HRMS-SPE-NMR. Este estágio no exterior será de grande importância para complementar os resultados obtidos no doutorado e permitirá o acesso a tecnologias avançadas sob a supervisão do professor Dan Staerk que ampliará o conhecimento do aluno de doutorado relacionado ao estudo de compostos bioativos de origem natural.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.