Busca avançada
Ano de início
Entree

Bactérias da cavidade bucal de pacientes internados em UTIs e associação com pneumonia de ventilação mecânica (PAVM)

Processo: 18/26190-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2019
Vigência (Término): 30 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Mariella Vieira Pereira Leão
Beneficiário:Mariana Abdo de Almeida
Instituição-sede: Instituto Básico de Biociências (IBB). Universidade de Taubaté (UNITAU). Taubaté , SP, Brasil
Assunto(s):Microbiologia aplicada   Etiologia   Pneumonia   Pneumonia associada à ventilação mecânica   Farmacorresistência bacteriana

Resumo

A pneumonia nosocomial é o segundo tipo de infecção hospitalar mais frequente em pacientes de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e normalmente está associada à Ventilação Mecânica (PAVM). Os agentes etiológicos destas infecções demonstram multirresistência aos antimicrobianos tornando difícil o tratamento e elevando a morbimortalidade. Dessa forma, é de suma importância conhecer estes agentes etiológicos, sua origem e seu perfil de sensibilidade aos antimicrobianos, visando auxiliar na prevenção, no diagnóstico e no tratamento da PAVM. O objetivo do presente trabalho é estudar as bactérias da cavidade bucal de pacientes da UTI de um hospital de ensino e correlacionar à presença e etiologia da PAVM. Para tanto, amostras da mucosa oral de pacientes não submetidos à ventilação mecânica (grupo A), pacientes em processo de ventilação mecânica há pelo menos 24 horas e sem diagnóstico de pneumonia (grupo B), e pacientes em ventilação mecânica com diagnóstico de pneumonia (grupo C) serão coletadas. As amostras serão semeadas em meios de cultura adequados para proporcionar o isolamento de Staphylococcus e de bactéria Gram negativas, que serão posteriormente identificadas, segundo seus padrões morfofisiológicos. Será realizado também o perfil de sensibilidade aos antimicrobianos utilizando o método de difusão em ágar. Os resultados serão analisados e correlacionados com a presença de PAVM e com as condições clínicas do paciente.