Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de novos agentes diagnósticos multimodais dopados com íons lantanídeos

Processo: 19/06761-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 02 de setembro de 2019
Vigência (Término): 01 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Pesquisador responsável:Lucas Alonso Rocha
Beneficiário:Susane Bonamin Moscardini
Supervisor no Exterior: Marc Verelst
Instituição-sede: Pró-Reitoria Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca , SP, Brasil
Local de pesquisa : Centre d'Elaboration des Matériaux et d'Etudes Structurales (CEMES), França  
Vinculado à bolsa:18/02387-3 - Obtenção de agentes diagnósticos a base de nióbio contendo íons lantanídeos, BP.MS

Resumo

O desenvolvimento de novos agentes de diagnóstico por imagem capazes de diferenciar tipos de tecidos, órgãos ou patologias de propriedades contrastantes semelhantes de forma mais eficiente apresentando baixa toxicidade e boa biocompatibilidade motiva novos estudos devido à sua enorme importância no campo da medicina. A ressonância magnética por imagem e tomografia computadorizada de raios X desempenham papéis importantes nos diagnósticos, prognósticos e tratamento de várias doenças devido às suas vantagens, como baixo custo, profunda penetração nos tecidos, alta resolução, bem como processamento fácil de imagem. Por outro lado, as sondas luminescentes na região do infravermelho próximo oferecem vantagens de sensibilidade muito alta, alta penetração de fótons, baixa dispersão de luz e autofluorescência mínima de tecidos vivos. Neste sentido, este projeto visa a síntese e caracterização de nanopartículas luminescentes por upconversion baseadas em óxidos de nióbio contendo íons lantanídeos (Ln3 +, onde Ln3 + = Gd3 + ou Dy3 +, Tm3 +, Yb3 + e Nd3 +) para o desenvolvimento de novos materiais multimodais com aplicações no campo da imagiologia médica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.