Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise do transcriptoma completo de osteoblastos e osteoclastos crescidos em co-culturas sobre superfície de titânio com nanotopografia

Processo: 19/09349-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2019
Vigência (Término): 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Pesquisador responsável:Márcio Mateus Beloti
Beneficiário:Rayana Longo Bighetti Trevisan
Supervisor no Exterior: Janet L Stein
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Vermont (UVM), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/23888-8 - Efeito da superfície de titânio com nanotopografia sobre a interação entre osteoblastos e osteoclastos, BP.DR
Assunto(s):Nanotopografia   Osteoclastos   Osteoblastos   Análise de sequência de RNA   Titânio

Resumo

A osseointegração dos implantes de titânio (Ti) é baseada na remodelação óssea, que envolve um equilíbrio entre a formação de tecido ósseo pelos osteoblastos e a reabsorção pelos osteoclastos. Nosso grupo mostrou que uma superfície de Ti com nanotopografia obtida por condicionamento químico com solução de H2SO4/H2O2 é capaz de induzir a diferenciação de osteoblastos sob condições osteogênicas e não osteogênicas. Entretanto, o efeito dessa superfície nos osteoclastos e sua interação com os osteoblastos ainda não foram investigados. Para entender as alterações transcricionais causadas pela superfície de Ti com nanotopografia durante a interação entre células osteoblásticas e osteoclásticas, avaliaremos por high-throughput RNA sequencing: (1) o efeito da superfície de Ti com nanotopografia (Ti-Nano), comparado com superfície de Ti controle, na diferenciação osteoblástica e osteoclástica em culturas isoladas de células MC3T3-E1 e RAW 264.7, respectivamente, crescidas nestas superfícies, (2) o efeito de células MC3T3-E1 na diferenciação osteoclástica de células RAW 264.7 crescidas na superfície de Ti com nanotopografia, comparada com a superfície de Ti controle, em modelos de co-cultura indireta e (3) o efeito de células RAW 264.7 na diferenciação osteoblástica de células MC3T3-E1 crescidas na superfície de Ti com nanotopografia, comparada com a superfície de TI controle, em modelos de co-cultura indireta. A análise diferencial de expressão será realizada com DESeq2 considerando fold change>2 e valor de p <0,05.