Busca avançada
Ano de início
Entree

Geração e caracterização de linhagens celulares derivadas de carcinoma pancreático resistentes à gemcitabina

Processo: 19/04420-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Eduardo Moraes Rego Reis
Beneficiário:Victoria de Paiva Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Epigênese genética   Neoplasias pancreáticas   Linhagem celular tumoral   Expressão gênica   Quimiorresistência   Gencitabina

Resumo

O projeto tem como objetivo a geração de linhagens celulares imortalizados de PDAC resistentes à gemcitabina, e a caracterização molecular desta resistência. Tais linhagens serão geradas por tratamentos prolongados sob concentrações sub letais da droga e terão sua resistência avaliada através da determinação da expressão de genes marcadores de resistência já descritos na literatura por RT-qPCR. Além de linhagens de PDAC amplamente estudadas, será também utilizada uma linhagem derivada de xenotransplante de PDAC, que recapitulam com maior fidedignidade o microambiente tumoral do paciente. Os resultados obtidos neste projeto serão base para um projeto em desenvolvimento no Laboratório de Pesquisas Integradas em Câncer (LAPIC) do IQ-USP, o qual tem como objetivo realizar a varredura de componentes da maquinaria epigenética funcionalmente associados a quimioresistência e sensibilidade a gemcitabina no câncer de pâncreas.