Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação do papel dos cementócitos na homeostasia do cemento dental durante movimentação ortodôntica

Processo: 19/09435-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 12 de agosto de 2019
Vigência (Término): 11 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Pesquisador responsável:Francisco Humberto Nociti Junior
Beneficiário:Elis Janaína Lira dos Santos
Supervisor no Exterior: Brian Lee Foster
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa : Ohio State University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:18/26341-2 - Determinação do papel dos cementócitos na homeostasia do cemento dental durante movimentação ortodôntica, BP.DR

Resumo

Os cementócitos não apenas dividem características morfológicas com osteócitos, mas também expressam inúmeros reguladores do metabolismo de tecidos duros em comum. Entretanto o conhecimento a nível celular e molecular dos cementócitos e seu papel na homeostasia do cemento dental ainda não estão esclarecidos. Desta forma, a hipótese da presente proposta é de que os cementócitos desempenham um papel importante na manutenção do periodonto de sustentação, em especial no cemento dental. Uma análise comparativa proteômica do cemento dental, estimulado ou não a movimentação ortodôntica, será feita pela combinação das técnicas de cromatografia líquida associada a espectometria de massa (LC-MS/MS), e proteínas selecionadas serão validadas utilizando-se a técnica de imuno-histoquímica (IHC). Adicionalmente, alterações morfológicas e ultraestruturais nos cementócitos serão investigadas por meio de microscopia eletrônica de transmissão, microscopia confocal em amostras marcadas com fluorosceína isotiocianato e microtomografia computadorizada. Com os resultados da presente proposta, espera-se definir qual a participação dos cementócitos no controle dos processos de reabsorção e aposição do cemento dental, identificando biomoléculas com potencial utilização no controle da formação e regeneração desse tecido.