Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo in-operando das propriedades na nanoescala em dispositivos de gatilho molecular

Processo: 19/06568-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2019
Vigência (Término): 31 de maio de 2021
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Paulo Roberto Bueno
Beneficiário:Martin Schwellberger Barbosa
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/24839-0 - Eletrônica e eletroquímica em escala nanométrica: fundamentos e aplicações, AP.TEM
Assunto(s):Nanotecnologia   Espectroscopia de impedância   Eletroquímica

Resumo

Sensores eletroquímicos que atuam por meio de mecanismos baseados em gatilhos moleculares são muito promissores para aplicações de detecção de doenças e poluentes. O processo de gatilhos moleculares opera por meio de fenômenos de transferência de carga de alcance na nanoescala e transportes de alcance da mesoescala. Portanto um melhor entendimento desses sitemas pode ser obtido estudando os processos individuais e integrando eles a um modelo físico. Neste trabalho nós propomos o estudo de dispositivos de gatilho molecular por meio dos seguintes passos: fabricação de eletrodos redox modificados com monocamadas peptídicas; o acoplamento de sítios ativos de redox e nanopartículas de outro na superfície desses eletrodos por meio de ligações moleculares, investigação aprofundada de características eletroquímicas incluindo medidas in-operando por meio de diferentes técnicas derivadas das microscopias de sonda (SPM) em ambiente eletroquímico. Nós acreditamos que a combinação de medidas eletroquimicas e caracterizações in-operando podem levar a compreensão geral do sistema e, por consequência, otimização para aplicações práticas.