Busca avançada
Ano de início
Entree

Indivíduos com alto risco para desenvolvimento de injúria renal aguda em contextos clínicos relevantes: estudo prospectivo sobre aspectos epidemiológicos, diagnósticos e prognósticos

Processo: 19/06440-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de maio de 2019
Vigência (Término): 30 de junho de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Emmanuel de Almeida Burdmann
Beneficiário:Lesley Mirian de Paula Santos
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/19286-4 - Indivíduos com alto risco para desenvolvimento de injúria renal aguda em contextos clínicos relevantes: estudo prospectivo sobre aspectos epidemiológicos, diagnósticos e prognósticos, AP.TEM
Assunto(s):Nefrologia   Taxa de filtração glomerular   Diálise renal   Coagulação   Anticoagulantes   Cálcio

Resumo

Dados sobre o uso de anticoagulação regional com citrato em diálises híbridas ou estendidas em pacientes com injúria renal aguda (IRA) são escassos e heterogêneos. O sistema de hemodiálise de passagem simples (Genius®) e as máquinas de hemodiálise de proporção são adequados para as diálises estendidas. No entanto, a coagulação do sistema pode ocorrer com certa frequência, principalmente em pacientes graves com alto risco de coagulação e com contraindicação ao uso de heparina. Os objetivos desse estudo são: a) testar e validar um novo protocolo de anticoagulação regional com citrato em pacientes com IRA internados em unidades de terapia intensiva (UTI), submetidos a diálises estendidas, utilizando como comparação um grupo controle (anticoagulação com solução salina) em três Institutos do complexo hospitalar do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina do Estado de São Paulo (Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, Instituto do Coração e UTI da Nefrologia do Instituto Central; b) estudar o balanço de cálcio nesses procedimentos e seu o impacto no metabolismo ósseo nesses pacientes. Os critérios de inclusão são: todos os pacientes com IRA admitidos na UTI e candidatos à terapia de substituição renal por método estendido com contraindicação ao uso de heparina, e com idade superior a 18 anos. Os critérios de exclusão são falência hepática aguda, acidente vascular hemorrágico, nível de plaquetas inferior a 20.000/mm3, e/ou sangramento ativo com necessidade transfusional (dois ou mais concentrados de hemácia no período de 24 horas)