Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das respostas individuais de animais a mudanças na composição da dieta para o desenvolvimento de recomendações de alimentação individualizadas

Processo: 19/09201-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2019
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Telma Teresinha Berchielli
Beneficiário:Vinícius Carneiro de Souza
Supervisor no Exterior: Robin White
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Local de pesquisa : Virginia Polytechnic Institute and State University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:16/16796-7 - Efeito de diferentes níveis e fontes de nitrogênio sobre o metabolismo proteico e cinética da uréia em bovinos Nelores em confinamento, BP.DR
Assunto(s):Impactos ambientais   Agricultura de precisão

Resumo

A agricultura de precisão emergiu como um meio promissor de melhorar a eficiência da produção de alimentos. No entanto, as medidas associadas à maioria das tecnologias atuais de agricultura de precisão são de uso único, discretas e exigem ação de acompanhamento por seres humanos. Em contraste, a pecuária de precisão requer monitoramento contínuo dos animais e seu ambiente de maneira autônoma, portanto, as ferramentas de agricultura de precisão mais atuais têm utilidade limitada no gerenciamento das operações de produção animal. A maioria dos animais nos EUA e no Brasil é alojada e alimentada em grupos. As dietas são tipicamente formuladas para o desempenho médio observado dentro do rebanho. Isso significa que 50% dos animais são sempre superalimentados e os outros 50% são sempre subalimentados. Essa situação representa o uso ineficiente de recursos e perda de produção. Para fazendas leiteiras dos EUA, os dados de pH do rúmen e produção de leite detectados remotamente podem ser incorporados em algoritmos que fornecerão dietas personalizadas para animais alojados em grupo. Devido à magnitude da indústria de laticínios nos EUA e no Brasil, melhorar a eficiência alimentar tem uma tremenda oportunidade de melhorar a viabilidade econômica e o impacto ambiental dos sistemas de produção de leite. Esse tipo de estudo tem uma tremenda aplicação sob as condições brasileiras. Portanto, o objetivo deste estágio é acompanhar o estudo sobre a avaliação de respostas individuais de animais a mudanças na composição de alimentos para o desenvolvimento de recomendações de alimentação individualizadas. O conhecimento adquirido durante o estágio tem potencial para ser aplicado no Brasil no futuro. Além disso, durante o estágio, as amostras de urina do experimento realizado no Brasil (Projeto FAPESP 2016/19667-7) serão analisadas quanto à concentração de 15N15N-ureia, que é essencial para medir a reciclagem de ureia dos animais. Para atingir o objetivo de discutir os resultados do experimento realizado no Brasil, utilizaremos o banco de dados gerado no Projeto FAPESP (2016 / 19667-7), intitulado: Efeito de diferentes níveis e fontes de nitrogênio no metabolismo proteico e cinética da ureia em bovinos Nelore em confinamento. Este estágio será uma ótima oportunidade para finalizar as análises laboratoriais referentes ao estudo conduzido no Brasil. Além disso, será importante para melhorar a qualidade do trabalho realizado no Brasil pela apresentação e discussão dos resultados para o supervisor no exterior. Além disso, a pesquisa realizada no Brasil e financiada pela FAPESP será internacionalizada.