Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de nanofibras eletrofiadas de derivados do éster metílico do ácido [6,6]-fenil-C61-butírico (PCBM) para aplicação em dispositivos fotovoltaicos

Processo: 19/06609-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Deuber Lincon da Silva Agostini
Beneficiário:Pedro Leonardo Silva
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/50869-6 - INCT 2014: em Eletrônica Orgânica INEO, AP.TEM
Assunto(s):Eletrofiação   Polímeros (materiais)   Nanofibras   Fulereno   Eficiência energética   Painéis solares fotovoltaicos   Microscopia óptica   Microscopia eletrônica de varredura   Espectroscopia ultravioleta   Espectroscopia de luz próxima ao infravermelho

Resumo

Neste projeto serão desenvolvidas nanofibras dos derivados do éster metílico do ácido [6,6]-fenil-C61-butírico (PCBM) com poli (fluoreto de vinilideno) (PVDF), através da técnica de eletrofiação, verificando sua morfologia, estabilidade estrutural e propriedades elétricas, para aplicação em dispositivos fotovoltaicos. O PVDF oferece condições ideais para a produção de nanofibras através da técnica de eletrofiação e funciona como um aditivo na camada ativa melhorando a eficiência energética (PCE) de um dispositivo fotovoltaico orgânico (OPV). Os PCBMs com diferentes ramificações, inéditos na literatura, serão fornecidos através da interação entre o nosso grupo de pesquisa e o Dr. Roger C. Hiorns da Université de Pau et des Pays de l'Adour, na França, que têm larga experiência em síntese de polímeros e copolímeros contendo fulereno, para aplicações fotovoltaicas. As nanofibras de PVDF, em diferentes concentrações de PCBM, serão caracterizadas através das técnicas de Microscopia Óptica (MO), Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Espectroscopia no Ultravioleta Visível (UV-Vis), Espectroscopia no Infravermelho com transformada de Fourier (FTIR) e condutividade elétrica AC/DC.