Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de novas conexões para estruturas recíprocas em madeira: aplicação por sistemas paramétricos e algorítmicos e fabricação digital

Processo: 19/04043-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de junho de 2019
Vigência (Término): 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Projeto de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Maria Gabriela Caffarena Celani
Beneficiário:Caio Magalhães Castriotto
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo (FEC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fabricação digital

Resumo

A construção civil no Brasil apresenta dois grandes obstáculos para seu desenvolvimento. Por um lado, o uso intenso de recursos não renováveis e o desperdício de materiais faz com que este seja um dos setores mais nocivos para o meio ambiente. Por outro, existem barreiras culturais, econômicas e legais que pairam sobre os processos de industrialização da construção, sobretudo nos mais tecnológicos, mesmo que já exista um parque instalado de equipamentos de ponta, como as máquinas de controle numérico. A busca por matérias-primas renováveis faz com que a madeira seja uma das principais alternativas para o desenvolvimento sustentável da construção civil, enquanto a industrialização confere aos elementos construtivos maior controle de qualidade, confiabilidade e agilidade no processo construtivo. Nesse sentido, a utilização de sistemas construtivos em madeira industrializada pode ser uma forma de gerar soluções mais viáveis economicamente e estruturalmente, além de possibilitar a obtenção de maior complexidade geométrica. Esse é o caso das Estruturas Recíprocas (ERs), que possibilitam a construção de grandes vãos, com pouco gasto de material e um processo de montagem relativamente simples. Um dos principais desafios dessas estruturas é o mecanismo de conexão entre as peças, que pode ser a chave para soluções mais econômicas e interessantes. As tecnologias digitais de projeto e fabricação podem auxiliar na concepção e produção de componentes personalizados, resultando em um melhor aproveitamento do material, segurança estrutural e qualidade e precisão de acabamento. O objetivo desta pesquisa é o desenvolvimento de novas conexões para ERs em madeira, utilizando ferramentas CAD-CAM, sistemas algorítmicos e fabricação digital, buscando aproximar o conhecimento teórico acadêmico das demandas reais da indústria. Para isso, serão realizados exercícios de aplicação do sistema em três situações distintas: uma marquise, uma fachada e um pequeno pavilhão. A pesquisa utiliza o método de Design Science Research, e inclui uma revisão da literatura sobre ERs, detalhe arquitetônico, processos de fabricação digital e conexões em madeira. Para o desenvolvimento do sistema, faz-se o uso de ferramentas CAD-CAM, equipamentos de controle numérico e a premissa da personalização em massa, com a produção de modelos em escala reduzida e de protótipos. Ao considerar e explorar as características de inovação inerentes desta pesquisa é almejado a criação de uma patente, que possa contribuir para o uso da madeira industrializada na construção civil no Brasil. Os resultados obtidos serão avaliados de forma qualitativa, por especialistas das áreas de construção em madeira e de processos digitais de projeto. Espera-se ainda contribuir com a possibilidade de adaptação para outros materiais e indústrias, e ilustrar a importância da atuação integrada entre arquitetos e engenheiros em todas as etapas do projeto, desde a concepção até a fabricação e montagem. (AU)