Busca avançada
Ano de início
Entree

A casa 1 e sua política de visibilidade e acolhimento:cidadania e formas de fazer ativismo

Processo: 19/11876-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 21 de outubro de 2019
Vigência (Término): 20 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia
Pesquisador responsável:Ana Claudia Duarte Rocha Marques
Beneficiário:Jesser Rodolfo de Oliveira Ramos
Supervisor no Exterior: Miguel de Matos Castanheira do Vale de Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Centro em Rede de Investigação em Antropologia (CRIA), Portugal  
Vinculado à bolsa:18/09503-9 - Acolher e movimentar: etnografia de uma casa de acolhimento para pessoas LGBTs, BP.MS
Assunto(s):Cidadania

Resumo

Em minha de pesquisa de mestrado tenho tentado descrever as formas de fazer política naspráticas e dinâmicas cotidianas da Casa 1. Mais especificamente, tenho tentado mostrar como em seus diferentes espaços as atividades, atendimentos e eventos são feitos a partir de uma política de visibilidade e acolhimento cujo o objetivo é construir a Casa 1 como um lugar seguro, de diálogo e de abertura para todas as pessoas que a frequentam. A partir dos meus dados de campo, pretendo analisar os modos de fazer política da Casa 1 junto aos distintos modos de ativismos LGBTs. Para isso pretendo realizar uma revisão bibliográfica de literaturas que analisam tantos movimentos LGBTs como políticas de identidades em diferentes contextos. Nesse sentido, a principal contribuição desse estágio para a minha pesquisa de mestrado é comparar diferentes formas de fazer ativismo em contextos LGBTs com o ativismo político realizado na Casa 1.