Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade familiar, étnico-racial e religiosa na escola: prevenção da discriminação e violência

Processo: 19/11745-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2019
Vigência (Término): 31 de maio de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Pesquisador responsável:Vera Silvia Facciolla Paiva
Beneficiário:Amanda Lungov Brunelli
Instituição-sede: Instituto de Psicologia (IP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/25950-2 - Vulnerabilidades de jovens as IST/HIV e à violência entre parceiros: avaliação de intervenções psicossociais baseadas nos direitos humanos, AP.TEM
Assunto(s):Direitos humanos   Violência escolar   Relações étnicas e raciais   Discriminação racial   Discriminação sexual   Religiões   Relações familiares   Inquéritos e questionários

Resumo

O objetivo deste estudo é descrever os sentidos que alunos de ensino médio atribuem à discriminação e educação preventiva da violência na escola, a partir da compreensão da diversidade de composição familiar, étnico-racial e religiosa. Buscará, dessa forma, compreender se eles fazem alguma relação entre a violência (entre eles, na escola, ou entre parceiros) e a discriminação racial, sexual, religiosa ou baseada nas estruturas familiares. O conteúdo deste estudo de inspiração etnográfica será interpretado a partir da perspectiva multicultural de direitos humanos. A bolsista integrará a miniequipe que fará a etnografia de processo com os agentes jovens, a partir do acompanhamento cotidiano e a coleta de dados, no estudo preliminar da pesquisa temática (#2017_2590-2) em escolas que irão compor o universo de escolas a serem sorteadas para a intervenção na região do Jardim Ângela (São Paulo). Em suas atividades acompanhará (1) o processo de consentimento da escola para integrar o IC/Ensino-Médio da USP (IC-EM, edital 2019); (2) a capacitação em metodologia e ética da pesquisa dos alunos incluídos, então, como bolsistas e voluntários de IC-EM; (3) em colaboração com esses alunos em IC-EM, a etnografia dos serviços de saúde frequentados pelos colegas da comunidade escolar; (4) a aplicação da 1ª parte (sociodemográfica) do questionário da pesquisa temática que será realizada pelos IC-EM junto aos alunos de suas escolas nesse estudo preliminar sobre a diversidade religiosa, étnico-racial e familiar da comunidade escolar; (5) a aplicação-piloto junto aos bolsistas IC-EM do questionário completo da pesquisa temática.