Busca avançada
Ano de início
Entree

Emissões de N2O no campo em sistemas de pastejo de ovinos

Processo: 19/14333-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 15 de julho de 2019
Vigência (Término): 16 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:John Joseph Sheehan
Beneficiário:Bruna Rabello de Souza
Supervisor no Exterior: David Robert Chadwick
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Agrícola (FEAGRI). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Bangor University, País de Gales  
Vinculado à bolsa:18/10432-9 - Emissão de N2O em pastagem: estudo de meta análise, BP.IC
Assunto(s):Uso do solo   Meta-análise

Resumo

A produção pecuária contribui para cerca de 18% das emissões antrópicas totais de gases de efeito estufa (GEE) e 80% do setor agrícola. Óxido nitroso (N2O) proveniente de esterco depositado em pastagem é uma das principais fontes, correspondendo a 17% do setor pecuário. Os inibidores de nitrificação (NI) adicionados ao adubo e ao fertilizante nitrogenado são uma estratégia para reduzir as emissões de N2O. No entanto, as emissões de N2O, bem como a eficiência do NI, podem apresentar alta variabilidade devido a diferentes condições climáticas, fontes de nitrogênio e tipos de solo, e todos esses fatores ainda não são totalmente compreendidos. A proposta de BEPE será realizada na Universidade de Bangor, sob a supervisão do professor Dave Chadwick. A proposta inclui fornecer assistência técnica em dois experimentos de campo, meta-análise e análise gráfica usando o programa Sigma Plot Versão 12.5. As atividades serão executadas durante cinco semanas entre 15 de julho e 15 de agosto de 2019. Um dos experimentos será conduzido por uma estudante de doutorado do Reino Unido na Universidade de Bangor, e terá como supervisor o professor Dave Chadwick. Este experimento determinará o fator de emissão de N2O para urina e esterco de ovinos em pastagens de terras baixas e terras altas. A eficácia do inibidor de nitrificação também será avaliada. No mesmo estudo, as medições de metano entérico de ovinos que pastam em terras baixas e altas serão feitas usando um sistema de medição de metano Greenfeed. Durante a visita de um mês, será feita assistência na coleta de urina e esterco de ovinos que pastam na área de várzea e na determinação das medidas de emissão de N2O na urina e esterco (usando câmaras estáticas) após "deposição" no solo. A assistência técnica será fornecida com as emissões de metano dos ruminantes usando o sistema Greenfeed nas pastagens das terras baixas. O outro experimento que será assistido envolve a avaliação das emissões de GEE e da lixiviação de nitrato da urina aplicada ao solo em lisímetros retirados de diferentes pastagens no transecto altitudinal da fazenda da Universidade de Bangor (de terras altas a planícies). As amostras de gás serão coletadas três vezes por semana no período da manhã com seringas plásticas (60 mL) em três intervalos de tempo (1, 15 e 30 min) após as câmaras serem fechadas. As amostras serão transferidas e armazenadas em recipientes pré-evacuados de Exetainers vials (12 mL) antes da análise em um cromatógrafo a gás com um detector de captura de elétrons para determinação de N2O.Ambos os experimentos fornecerão dados para avaliar a representatividade das emissões de óxido nitroso provenientes das excretas e usados no inventário de gases de efeito estufa da agricultura do Reino Unido.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.