Busca avançada
Ano de início
Entree

Ansiedade física social e atenção com a forma corporal de indivíduos adultos

Processo: 18/21467-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2019
Vigência (Término): 29 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Juliana Alvares Duarte Bonini Campos
Beneficiário:Patrícia Angélica Teixeira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/18941-2 - Ansiedade física social e atenção com a forma corporal de indivíduos adultos, BE.EP.MS
Assunto(s):Ansiedade   Imagem corporal   Composição corporal   Atenção   Psicometria   Cognição

Resumo

A imagem corporal é um fenômeno dinâmico e multidimensional construído a partir de diversos aspectos relacionados com a experiência, cognição e emoções do indivíduo. As cognições representam os pensamentos e as crenças frente à imagem do corpo e pode ser avaliada a partir da atenção com a forma. As emoções podem gerar sentimentos de inadequação relacionados à imagem do corpo podendo desencadear medo, desconforto e ansiedade. Objetivos: i. apresentar a versão em português da Attention to Body Shape Scale (ABS) adaptada para o contexto brasileiro, ii. estimar as propriedades psicométricas da ABS e da Escala de Ansiedade Física Social (SPAS) quando aplicadas à indivíduos adultos, iii. Estimar a influência de características demográficas e do índice de massa corporal na ansiedade física social e dessa na atenção que indivíduos adultos despendem com a forma do corpo, iv. Estimar a correlação entre diferentes componentes da composição corporal e escores de atenção com a forma do corpo e ansiedade física social. Métodos: Trata-se de estudo transversal com amostragem não probabilística. O tamanho amostral mínimo foi estimado em duas etapas. Para responder ao objetivo iii a amostra deverá ser composta por 363 sujeitos de cada sexo. Para atender ao objetivo iv serão necessários 60 sujeitos de cada sexo. Serão convidados a participar indivíduos adultos jovens (18 a 40 anos) da comunidade de Araraquara (amostra normativa) de ambos os sexos. Serão levantadas informações demográficas para caracterização da amostra. A composição corporal será estimada por meio de bioimpedância tetrapolar de alta frequência (Biospace, InBody 570) e a altura utilizando estadiômetro (mm). A atenção com a forma corporal e a ansiedade física social serão estimadas a partir da ABS e da SPAS, respectivamente, para cada sexo de maneira independente. A validade de face foi realizada incluindo elaboração da versão em português da ABS. A sensibilidade psicométrica dos itens dos instrumentos para amostra será avaliada. As validades fatorial e convergente serão avaliadas utilizando estratégia confirmatória (AFC). Será utilizado método de estimação Weighed Least Squares Mean and Variance Adjusted (WLSMV) e os índices razão de qui-quadrado pelos graus de liberdade (Ç2/gl), o comparative fit index (CFI), o Tucker-Lewis index (TLI) e o root mean square error of approximation (RMSEA). A validade convergente será avaliada a partir da variância extraída média (VEM). A invariância do modelo fatorial será testada utilizando análise multigrupos (”Ç2). A confiabilidade será estimada a partir da confiabilidade composta (CC) e do Coeficiente alfa ordinal (±). Será elaborado um modelo de equações estruturais buscando responder ao terceiro objetivo desse trabalho. O modelo será analisado em duas etapas. Na etapa 1, será avaliado a qualidade do ajustamento utilizando os índices Ç2/gl, CFI, TFI e RMSEA. Na etapa 2, será avaliada a significância das trajetórias (b) de cada variável independente utilizando o teste z e nível de significância de 5%. (AU)