Busca avançada
Ano de início
Entree

Brasil na tela: a narrativa de uma nação a partir das telenovelas brasileiras e seus alcances transnacionais (1970-1985)

Processo: 19/02284-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2019
Vigência (Término): 30 de abril de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Priscila Martins de Medeiros
Beneficiário:Luana Gabriela Ruy
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Nação   Relações raciais   Telenovela   Dramaturgia   Exportação   Brasil

Resumo

Este projeto tem como objeto de estudo as narrativas sobre o Brasil, mais especificamente sobre as Relações Raciais no Brasil, construídas pela teledramaturgia brasileira no contexto de exportação de novelas entre os anos de 1970 e 1980. Esta análise será possibilitada por meio do estudo de três telenovelas produzidas pela Rede Globo, sendo elas: O Bem-Amado (1973); Gabriela (1975) e Escrava Isaura (1976). O recorte é justificado pois, se compararmos com as produções anteriores, estas são as primeiras telenovelas da emissora que buscaram estabelecer diálogo com a realidade social brasileira, sem perder de vista, obviamente, o contexto de autoritarismo vivenciado no Brasil da época. Além disso, essas produções foram as primeiras que cruzaram a fronteira nacional, sendo transmitidas em vários outros países e se transformando nas principais difusoras de determinadas narrativas sobre o que é o Brasil. Diante disso, o objetivo geral desta pesquisa é compreender a construção da narrativa sobre o Brasil e as Relações Raciais no início da teledramaturgia brasileira, com foco nas telenovelas produzidas e exportadas pela Rede Globo de televisão. Em termos mais específicos, buscaremos a) Compreender quais as relações entre os códigos culturais narrados pela teledramaturgia da época e o contexto sócio-político nacional; e b) Analisar em que medida o imaginário coletivo nacional, influenciado pela teledramaturgia e o contexto sócio-político, estabelece diálogos com a conjuntura internacional. Para atingirmos tais objetivos de pesquisa utilizaremos as contribuições teóricas do Pensamento Social brasileiro e dos Estudos Culturais e Pós-Coloniais. Em termos metodológicos a análise se dará através de Revisão bibliográfica; Pesquisa Documental; Entrevista e Análise de Conteúdo. (AU)