Busca avançada
Ano de início
Entree

As transformações na modalidade de cuidado integral de longa duração: instituições de longa permanência para idosos

Processo: 18/26277-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2019
Vigência (Término): 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Vania Aparecida Gurian Varoto
Beneficiário:Ana Carolina Matiole
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Instituição de longa permanência para idosos   Estrutura dos serviços   Geriatria   Cuidados integrais de saúde   Idosos   Banco de dados   Análise de conteúdo   São Carlos (SP)   Araraquara (SP)

Resumo

O fenômeno do envelhecimento populacional é fato, e com o aumento no número de pessoas idosas a cada ano, o cuidado oferecido está enfrentando transformações importantes, tanto para os espaços quanto para as pessoas que prestam cuidados. O cuidado prestado de qualidade e integral é garantido por lei, prioritariamente pela Política Nacional do Idoso-PNI e o Estatuto do Idoso; e destaca que a família, a sociedade e o estado têm obrigação de amparar e apoiar o idoso e suas necessidades. A garantia de atendimento de qualidade inclui a fiscalização daqueles que oferecem, dentre eles as instituições de longa permanência para idosos-ILPI, que são fiscalizadas pelo Ministério Público-MP, Conselho do Idoso, Vigilância Sanitária-ANVISA e outros previstos na lei; identificando a formalização do tipo de atividade econômica prestada e público alvo, em relação a atividade oferecida no dia a dia e para quem oferecem. Objetivo: Caracterizar as Instituições de Longa Permanência para Idosos-ILPI dos municípios de São Carlos e Araraquara, a partir dos registros de cadastros efetuados no Conselho Municipal do Idoso, e da Promotoria de Justiça do Idoso; e comparar com os registros da Classificação Nacional de Atividades Econômicas-CNAE. Metodologia: Trata-se de uma pesquisa quali-quantitativa, de caráter descritiva, retrospectiva, e fundamentos de análise de conteúdo temático. Este estudo é parte de uma pesquisa que envolve o banco de dados do grupo de pesquisa Direito, Cidade e Envelhecimento. A coleta acontecerá no Departamento de Gerontologia da UFSCar, no primeiro semestre do ano de 2019, e inicialmente será identificado pelo banco de dados características das ILPI. Identificado as ILPI dos dois municípios, e com os dados da caracterização de cada ILPI (tipo, público-alvo, atividade principal e secundária) será comparado esses elementos com o registro junto ao CNAE, visando caracterizar a tipologia de cada ILPI. Resultados esperados: É esperado a caracterização geral das ILPI de Araraquara e São Carlos, com destaque na tipologia das mesmas, na atividade principal e secundária, assim como, dados gerais do perfil da população atendida (vagas disponíveis, vagas preenchidas, e gênero). Também, pretende-se comparar as classificações adotadas junto os registros analisados, e verificar compatibilidade ou não entre eles.