Busca avançada
Ano de início
Entree

FtsZ, principal proteína coordenadora da divisão celular bacteriana: busca de novos inibidores por microscopia automatizada

Processo: 19/09977-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Frederico José Gueiros Filho
Beneficiário:Brenda Chagas da Silva Armonico
Instituição Sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Microbiologia   Genética microbiana   Bacillus subtilis   Farmacorresistência bacteriana   Antibióticos
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Bacillus subtilis | divisão bacteriana | FtsZ | inibidores | Microbiologia | Genética de microrganismos

Resumo

As bactérias causadoras de diversas doenças infecciosas são cada vez mais multirresistentes aos antibióticos atuais, acarretando um alto índice de mortalidade. Os medicamentos existentes são limitados a poucos alvos de ação como a síntese de proteína, síntese do ácido nucleico e síntese da parede celular. Para contornar a resistência bacteriana aos antibióticos que já existem precisamos de moléculas que atuem com novos mecanismos de ação. Portanto, propomos a inibição da proteína FtsZ, principal coordenadora da divisão celular bacteriana, como alvo para identificação de uma nova classe de antibióticos. Como modelo usaremos o Bacillus subtilis, que é bem conhecido e estudado como representante das bactérias Gram-positivas. A partir da biblioteca de compostos ChemBridge DIVERset, buscaremos moléculas inibidoras de divisão celular, que bloqueiem a ação de FtsZ. A triagem destes compostos será realizada por microscopia automatizada de células de Bacillus subtilis, pois esta é a melhor maneira de se detectar o fenótipo de interesse (inibição da divisão). Os "hits", compostos que causarem inibição da divisão celular, serão avaliados por microscopia de fluorescência para identificar o efeito dos inibidores na formação do anel Z e do septo. Posteriormente, será verificado se a inibição da divisão bacteriana ocorre pelo bloqueio da proteína FtsZ, através dos ensaios in vitro de atividade GTPasica e de polimerização de FtsZ.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)