Busca avançada
Ano de início
Entree

Própolis marrom: isolamento de compostos majoritários e minoritários para propostas analíticas e avaliação in vitro de atividades antimalárica, tripanomicida e leishimanicida

Processo: 19/12978-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 15 de agosto de 2019
Vigência (Término): 14 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacognosia
Pesquisador responsável:Jairo Kenupp Bastos
Beneficiário:Victor Pena Ribeiro
Supervisor no Exterior: Ikhlas Khan
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Mississippi (UM), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/08386-6 - Estudo fitoquímico, desenvolvimento de método analítico e avaliação biológica da própolis marrom produzida por Apis mellifera a partir de Morus alba, BP.DR

Resumo

A própolis é um conjunto complexo de componentes coletados por abelhas da espécie Apis mellifera, como resinas de partes de inúmeras plantas, que possui um alto valor no mercado internacional devido as atividades biológicas atribuídas a este produto. Portanto, propõe-se isolar e identificar os compostos presentes na própolis marrom brasileira coletada em Angatuba-SP, bem como obter derivados dos composto Phloroglucinóis prenilados (PP), isolados de Própolis marrom coletada em Cabo Verde-MG. As atividades antimalárica e leishimanicida de própolis marrom e seus compostos isolados também serão realizadas. Estas atividades serão realizadas na Universidade do Mississippi no Centro Nacional de Pesquisa em Produtos Naturais, localizado na cidade de Oxford - Estados Unidos da América, sob a supervisão de Prof. Dr. Ikhlas A. Khan. Os compostos de PP mostraram uma forte atividade contra Leishmania amazonensis. Assim, avaliaremos os mecanismos envolvidos nessa atividade assim como a atividade tripanomicida dos extratos. Este estudo será desenvolvido na Universidade de Califórnia, sob a supervisão do Dr. Conor Caffrey. Dr. Khan e Dr. Conor são membros internacionais do projeto temático sobre própolis brasileira (FAPESP No. 2017 / 04138-8), do qual este projeto faz parte. A realização de tais estudos irá adicionar mais valor para a própolis brasileira, valorizando-a ainda mais, tanto no mercado interno quanto internacionalmente. Além disso, aprender novas técnicas e agregar valor a um produto brasileiro, reflete diretamente no desenvolvimento econômico do país, e estudos com este produto de abelha e seus constituintes químicos podem levar futuramente ao desenvolvimento de novos produtos farmacêuticos brasileiros, como suplementos alimentares, cosmecêuticos e novos fármacos em potencial a partir de própolis.