Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de fatores nutricionais e psicológicos no pré-operatório e na evolução do peso no pós-operatório médio-tardio da cirurgia bariátrica

Processo: 18/23991-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2019
Vigência (Término): 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Carla Barbosa Nonino
Beneficiário:Sofia Teixeira Prates de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Biologia computacional   Obesidade   Ansiedade   Depressão   Período pré-operatório   Período pós-operatório   Cirurgia bariátrica   Estudos transversais
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:ansiedade | cirurgia bariátrica | depressão | obesidade | Transtorno de compulsão alimentar periódica | Genômica Nutricional

Resumo

A recidiva da obesidade em pacientes submetidos à cirurgia bariátrica está relacionada a diversos fatores, entre eles se destacam a presença de transtornos alimentares e psicológicos no pré-operatório, capaz de influenciar a evolução do peso nos anos seguintes. Objetivo: Avaliar os fatores nutricionais e psicológicos (como ansiedade e depressão) como determinantes da evolução do peso no pré-operatório e pós-operatório médio tardio (5 anos) de indivíduos com obesidade submetidos à DGYR atendidos pelo SUS. Métodos: Serão incluídos indivíduos com idade entre 18 e 60 anos, que foram submetidos à cirurgia bariátrica pela técnica de DGYR, em 2014 e que completarão 5 anos de pós-operatório em 2019. Estudo descritivo com duas etapas, na primeira etapa retrospectiva, será realizado a análise dos prontuários médicos e coletados dados antropométricos, ingestão alimentar, presença ou não de TCAP e identificação de sintomas de ansiedade e depressão do período pré-operatório. Na segunda etapa transversal, os indivíduos serão submetidos a coleta de dados antropométricos (peso, estatura, IMC e circunferência abdominal) e de composição corporal, análise da ingestão alimentar, análise da presença ou não de TCAP por meio de entrevista e aplicação da Escala de Compulsão Alimentar Periódica (ECAP) e identificação de sintomas de ansiedade e depressão. Para análise estatística dos dados serão utilizados testes Kolmogorov-Smirnov, Kruskal-Wallis, ANOVA, correlação de Pearson e de Spearman, além de softwares específicos de bioinformática. Será admitido nível de significância para p<0,05.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)