Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e validação de metodologia analítica por CLAE para quantificação de ácido gentísico em emulsão cosmética

Processo: 19/00172-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Pesquisador responsável:Marcos Antonio Corrêa
Beneficiário:Mariana Carlomagno de Paula
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Cosmetologia   Emulsões cosméticas   Cromatografia líquida de alta eficiência

Resumo

O ácido gentísico (AGe) é um composto fenólico não flavonoide, derivado do ácido hidroxibenzoico. Apresenta um grupo carboxílico ligado ao anel aromático, além de dois grupos hidroxila ligados nas posições 2 e 5. O AGe é um metabólito ativo da degradação do ácido salicílico, que apresenta amplo espectro de atividade biológica, incluindo propriedades antioxidante, adstringentes, anti-inflamatória e até antirreumática. Para o estudo de tal ácido, será desenvolvida e validada a metodologia analítica por CLAE. A validação de métodos analíticos é um processo que através de estudos experimentais assegura a confiabilidade de resultados obtidos por estes, e é então de extrema importância na garantia de qualidade de cosméticos. O projeto possui como objetivo desenvolver e validar a metodologia analítica por CLAE para quantificação de ácido gentísico em emulsão cosmética. Será desenvolvido um sistema emulsionado óleo em água (O/A) para incorporação do ativo, e para quantifica-lo nesta emulsão, será desenvolvido e validado um método analítico por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência.