Busca avançada
Ano de início
Entree

Frequência de lesões retinianas e anticorpos anti-Toxoplasma gondii em doadores do Banco de Olhos de Ribeirão Preto

Processo: 19/01118-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:João Marcello Fortes Furtado
Beneficiário:Barbara Maria Guedes Marcusso
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Toxoplasmose ocular   Toxoplasma gondii

Resumo

A toxoplasmose, causada pelo parasita intracelular obrigatório Toxoplasma gondii, é uma doença de grande importância em saúde pública devido a sua alta prevalência na América Latina. A infecção é adquirida principalmente pelo consumo de água e alimentos contaminados com oocisto eliminados nas fezes de gatos, ou através da ingestão de carne crua ou malcozida contendo cistos tissulares. A infecção pode ser tanto pré-natal quanto pós-natal. Nessa última, estima-se que 90% das pessoas sejam assintomáticas, enquanto apenas 10% apresentam sintomas, como manifestações oculares decorrentes de infecção intraocular.As lesões retinianas da toxoplasmose são consequência da atividade do parasita no globo ocular, além da reação inflamatória que sua presença estimula. Tais lesões podem reduzir a acuidade visual dessas pessoas e até causar cegueira dependendo do local acometido. Sabe-se que a doença é a principal causa mundial de uveíte posterior e umas das causas mais comuns da cegueira infantil no Brasil.Apesar da alta prevalência de toxoplasmose no Brasil, não há muitos estudos sobre a frequência e características de lesões oculares atribuíveis ao T. gondii, seja em estudos epidemiológicos, baseados em hospitais terciários ou a partir de tecidos doados a Banco de Olhos. Nesse projeto, analisaremos a frequência e características das lesões oculares atribuíveis ao T. gondii, assim como a frequência de anticorpos anti-Toxoplasma presentes em sangue periféricos de doadores do Banco de Olhos de Ribeirão Preto.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.