Busca avançada
Ano de início
Entree

O tratamento literário do tema dos deslocamentos territoriais em Douceurs du Bercail (1998), romance da escritora senegalesa Aminata Sow Fall

Processo: 19/11387-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literaturas Estrangeiras Modernas
Pesquisador responsável:Ana Cláudia Romano Ribeiro
Beneficiário:Gabriela Rodrigues de Oliveira
Instituição-sede: Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Guarulhos. Guarulhos , SP, Brasil
Assunto(s):Literatura africana   Literatura de expressão francesa   Romance   Migração humana   Personagens

Resumo

O presente projeto de pesquisa visa estudar o romance Douceurs du bercail (1998), da escritora senegalesa Aminata Sow Fall, tendo por foco a análise do tratamento literário de um de seus temas centrais: os deslocamentos territoriais. Para isso, buscaremos primeiramente compreender as especificidades do gênero narrativo em que se inscreve - o romance -, estudar o foco narrativo, a ação, as personagens e, por fim, o tempo e o espaço físico, social e psicológico nesta obra (cf. ABDALLA JUNIOR, 1995; CANDIDO et Al., 2009; OYOUROU, 2014). Isso feito, em segundo lugar, sistematizaremos os tipos de deslocamentos descritos no romance. Para compreendê-los, partiremos de estudos críticos sobre a obra de Fall (GUÉYE, 2005, KOFFI, 2014; ONUKO, 2012; OYOUROU, 2014; THIOYE, 2005; DIOUF, 2009 e 2016). Será igualmente importante conhecer a história do Senegal, da dominação colonial e do pós-colonialismo (BOAHEN, 2010; CÉSAIRE, 2006 e 2012; SAID, 2011; BAMPOKY, 2018), bem como as relações entre língua, estado e sociedade (CISSE, 2005) e as representações da imigração (MAMBENGA-YLAGOU, 2005). Também será nossa tarefa nos debruçarmos sobre o contexto geral da história das literaturas africanas (OUPOH, 2015), e sobre o conceito de francofonia (JOUBERT, 1997).