Busca avançada
Ano de início
Entree

Metasuperfícies e a generalização da lei de Snell em interfaces planares e esféricas

Processo: 19/11610-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica
Pesquisador responsável:Leonardo Andre Ambrosio
Beneficiário:Luiza Sossai de Souza
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Óptica e fotônica   Eletromagnetismo

Resumo

Esta proposta de iniciação científica objetiva estudos teóricos e numéricos da generalização da lei de Snell em interfaces dielétricas planares e esféricas quando da presença de uma metasuperfície. Para tanto, pressupõe etapas ou atividades de reforço em conceitos fundamentais em eletromagnetismo, compreensão da origem da lei de Snell em termos do princípio de Fermat e de caminhos ópticos. A generalização desta lei baseia-se no fato de que metasuperfícies - materiais artificiais nano-estruturados e com espessuras muito menores que o comprimento de onda da luz incidente, capazes de manipular de forma quase que arbitrária a fase da luz incidente - fornecem variações abruptas de fase na interface, o que precisa ser considerado reinterpretando o princípio de Fermat com um princípio de fase estacionária. Espera-se que este projeto seja o ponto de partida para pesquisas em torno de um tema ainda em aberto e de apelo no campo de espalhamento eletromagnético e interação luz-matéria: o aprisionamento, a captura e a manipulação de partículas micrométricas, esféricas e dielétricas, revestidas por metasuperfícies, no regime de óptica geométrica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.