Busca avançada
Ano de início
Entree

Versão reduzida do Inventário de Jesness - revisado español e suas propriedades psicométricas

Processo: 19/13770-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 23 de dezembro de 2019
Vigência (Término): 06 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Tratamento e Prevenção Psicológica
Pesquisador responsável:Marina Rezende Bazon
Beneficiário:Rafaelle Carolynne Santos Costa
Supervisor no Exterior: Antonio Andres-Pueyo
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universitat de Barcelona (UB), Espanha  
Vinculado à bolsa:18/17018-3 - Desenvolvimento do inventário de Jesness: revisado brasileiro reduzido e investigação de suas propriedades psicométricas, BP.MS
Assunto(s):Inventário de personalidade   Validade do teste   Delinquência juvenil   Precisão do teste

Resumo

O Inventário de Jesness - revisado é uma importante ferramenta de avaliação psicológica forense, para adolescente em conflito com a lei. É frequentemente utilizada nos Estados Unidos e Canadá e estudada também no Brasil, Chile e Espanha. Nestes países, há evidências de propriedades psicométricas satisfatórias e de utilidade clínica. Da mesma forma, há também evidências de que a ferramenta pode ser aprimorada. Para isso, se propõe a redução do número de itens de sua versão original, a qual possui 160 itens. No Brasil, já se iniciou o processo de redução. O objetivo deste processo é investigar a adequação da versão reduzida proposta com dados brasileiros ao contexto espanhol, fazendo uso de base de dados do GEAV (Universidade de Barcelona). Os objetivos específicos são analisar evidências de confiabilidade das escalas reduzidas do Inventário, evidências de validade de critério (com ferramenta de personalidade) e evidências de correlação entre as pontuações brutas das escalas da versão original do IJ-R e de sua versão reduzida. Os dados provêm de uma amostra de 191 adolescentes do sexo masculino (128 são estudantes e 63 estão no sistema de justiça juvenil). A confiabilidade das escalas será investigada com estimativas obtidas por meio da Curva Característica do Item, da Teoria de Resposta ao Item. A validade de critério e a correlação entre escores serão calculados com analise de correlação de rho de Spearman.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.