Busca avançada
Ano de início
Entree

Reações de ciclização promovidas por catalisadores pd/cu

Processo: 19/16026-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2019
Vigência (Término): 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Thiago Carita Correra
Beneficiário:Francisco Wanderson Moreira Ribeiro
Supervisor no Exterior: Jason Scott Mcindoe
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Victoria (UVic), Canadá  
Vinculado à bolsa:17/18485-1 - Estudo de mecanismos de haloaminação por catalisadores metálicos e organocatalisadores, BP.DR
Assunto(s):Espectrometria de massas

Resumo

O completo entendimento dos mecanismos de reação no nível molecular, como as reações de ciclização promovidas por catalisadores a base de paládio, é fundamental para a proposta de novos sistemas catalíticos e para a síntese de novos compostos químicos. A espectrometria de massas é uma técnica poderosa para estudar intermediários de reação, sobretudo quando utilizada combinada com cálculos DFT e espectroscopia IRMPD, como foi implementado em nosso grupo de pesquisa no Brasil. No caso específico de reações mediadas por paládio, o desenvolvimento de métodos de análise por espectrometria de massas é uma tarefa desafiadora, não apenas por estas reações necessitarem de atmosferas controladas, mas também por conta do uso de solventes e meios de reação não compatíveis com métodos de espectrometria de massas padrão. Por esse motivo, o objetivo principal deste projeto é utilizar a espectrometria de massas para o estudo do mecanismos de reação e dos intermediários reativos das reações de ciclização de carbamatos promovidas por paládio. Para tanto, o projeto BEPE propões a realização de um estágio de 12 meses no grupo do Prof. McIndoe em Victoria, Canada, que é especializado no estudo de mecanismos de reações mediadas por metais. Essa experiencia permitirá a avaliação dos mecanismos relevantes para o trabalho de doutoramento do beneficiário de forma que não pode ser realizada no Brasil, promovendo a colaboração entre os dois grupos, dado que o grupo do Prof. McIndole pode se beneficiar da técnica de espectroscopia IRMPD desenvolvida no Brasil.