Busca avançada
Ano de início
Entree

Wearables para a monitorização contínua da saúde cardiorrespiratória

Processo: 18/22818-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Aparecida Maria Catai
Beneficiário:Maria Cecília Moraes Frade
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/22215-7 - Impacto do treinamento muscular inspiratório e do envelhecimento no mapeamento metabólico e modulação autonômica em repouso e nas respostas cardiovasculares, respiratórias e metabólicas ao exercício físico em homens saudáveis, AP.TEM
Assunto(s):Aprendizado computacional   Prevenção   Reabilitação   Doença crônica

Resumo

Prejuízos na Saúde Cardiorrespiratória (SCR) estão relacionados ao aparecimento das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) e aumento da mortalidade. Apesar de ser um índice tão valioso clinicamente, a avaliação da SCR é feita apenas pontualmente e envolve a utilização de equipamentos médicos pouco disponíveis para a população geral. Desta forma, há a necessidade de explorar novas tecnologias para a monitorização continua da SCR por equipamentos mais acessíveis. O objetivo deste projeto é utilizar tecnologias vestíveis acessíveis, associadas a algoritmos de inteligência artificial (IA), para a predição contínua da SCR com o intuito de identificar modificações relacionadas ao aparecimento da DCNT. Espera-se o desenvolvimento de algoritmos de predição da SCR baseados em sinais vitais obtidos por tecnologias vestíveis. Este projeto de pesquisa é observacional e longitudinal. Serão recrutados indivíduos saudáveis, com fatores de risco para DCNT e com DCNT. A primeira etapa será composta pela avaliação laboratorial da SCR. A segunda parte será composta pela coleta ambulatorial de sinais vitais onde os participantes vestirão uma camiseta inteligente com diversos sensores vestíveis embarcados. Finalmente, a terceira etapa consiste no desenvolvimento de algoritmos de IA que serão treinados a predizer a SCR baseado nos sinais vitais coletados pela camiseta inteligente. Os algoritmos de IA serão validados por testes estatísticos específicos. Além de futuramente impactar a prevenção das DCNT pela detecção precoce das modificações da SCR, a tecnologia aqui desenvolvida poderá ser utilizada ao longo dos programas de reabilitação física, permitindo ajustes individuais em tempo real, atuando diretamente na efetividade de tais programas.