Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial de múltiplas reciclagens de misturas asfálticas

Processo: 19/11354-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2023
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Infra-estrutura de Transportes
Pesquisador responsável:Kamilla Vasconcelos Savasini
Beneficiário:Julia Amaral Rodrigues
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/25708-7 - Reologia e química de ligantes asfálticos e bioligantes: ferramentas para a compreensão do comportamento mecânico, envelhecimento e deterioração dos revestimentos de pavimentos, AP.JP
Assunto(s):Asfalto   Reciclagem   Ligantes   Propriedades químicas   Reologia   Sustentabilidade

Resumo

O material asfáltico fresado, em inglês Reclaimed Asphalt Pavement (RAP), é gerado durante o procedimento de restauração e/ou reconstrução de uma via já deteriorada e é o principal resíduo gerado em serviços de pavimentação e, consequentemente, pelo setor de infraestrutura rodoviária. Este material vem sendo reutilizado na fabricação de novas misturas asfálticas para geração de novas camadas de rolamento. A reutilização de material fresado, prática ainda subutilizada no Brasil, reduz o consumo e exploração de recursos naturais não renováveis, bem como evita o volume, despejo, estocagem de resíduos gerados pelo setor rodoviário, com ganhos econômicos e ambientais. Quando este ciclo de deterioração/fresagem/reciclagem é repetido duas ou mais vezes para o mesmo pavimento, pode-se dizer que ocorreram reciclagens múltiplas, onde os materiais da primeira mistura são reciclados mais de uma vez. Levando-se em consideração este processo, o desempenho do material submetido a repetidos ciclos de reciclagem deve ser cuidadosamente avaliado, verificando se suas propriedades são mantidas a partir de certo grau de envelhecimento. Esta pesquisa está inserida em um projeto que visa a compreensão das propriedades reológicas e químicas dos ligantes nas propriedades mecânicas das misturas asfálticas, na interação dos ligantes novo e envelhecido nos processos de reciclagem, como desenvolvimento de uma metodologia baseada na química e na reologia para quantificação da interação entre ligantes asfálticos no processo de reciclagem a quente e morna e o uso da biotecnologia para melhoria dos processos de reciclagem de pavimentos asfálticos ou mesmo para substituição dos asfaltos por bioligantes de natureza vegetal. Com toda temática incluída no projeto como um todo, este plano de pesquisa visa avaliar as práticas de múltiplas reciclagens de pavimentos asfálticos levando em consideração as diversas variáveis acima citadas. (AU)