Busca avançada
Ano de início
Entree

Práticas de redução do desperdício de alimentos: uma análise sob a ótica da visão baseada em recursos

Processo: 19/12849-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Produção
Pesquisador responsável:Andrea Lago da Silva
Beneficiário:Isabela Rabelo Ricucci
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Sustentabilidade   Desperdício de alimentos   Coleta de dados   Análise de conteúdo   Entrevistas (psicologia)

Resumo

O desperdício de alimentos é uma questão de sustentabilidade muito relevante e pode ser encontrado em toda a cadeia de suprimentos alimentos, desde a produção até o consumo. O varejo é um caso especial pois, quando busca reduzir seu próprio desperdício, acaba por transferir custos para toda a cadeia, onerando, por exemplo, fornecedores e consumidores. Isso ocorre devido aos estritos padrões de qualidade, políticas de devolução e promoções mal elaboradas que podem ser solucionados para diminuir o desperdício na cadeia. A discussão de como diminuir o desperdício no varejo ainda se encontra fragmentada na literatura e apesar de apresentar algumas práticas para reduzi-lo, ainda não existem evidências claras sobre quais e como alguns facilitadores/barreiras influenciam a implementação dessas práticas no contexto da distribuição de FLV (frutas, legumes e verduras) no Brasil. Este projeto de pesquisa pretende analisar os facilitadores/barreiras que influenciam a implementação de práticas de redução do desperdício de FLV na díade formada entre fornecedor e rede de supermercado. Para tanto, será utilizada a lente teórica da RBV (Resourced Based View) para compreender quais os recursos internos que podem ser usados pelo varejo para colocar em prática a redução do desperdício. Além de uma revisão dos principais constructos da RBV, será feita uma análise de conteúdo com o software qualitativo QDA Miner a partir dos dados coletados nas entrevistas na díade, já coletadas em um projeto mais amplo de Auxílio Pesquisa já financiado pela Fapesp. A pesquisa espera contribuir, identificando por meio dos recursos internos da RBV, as barreiras e facilitadores para implementação de práticas para reduzir o desperdício no contexto do varejo brasileiro.