Busca avançada
Ano de início
Entree

Confiabilidade da versão brasileira da ferramenta de avaliação de riscos ergonômicos de membros superiores - Hand Arm Risk Assessment Method - HARM-Br

Processo: 19/12660-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Marisa de Cássia Registro Fonseca
Beneficiário:Leonardo Dutra de Salvo Mauad
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Fisioterapia   Lesões por esforço repetitivo   Distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho   Postura   Ergonomia no trabalho   Inquéritos e questionários   Confiabilidade

Resumo

As lesões por esforços repetitivos (LER) ou distúrbios osteomusculares relacionadas ao trabalho (DORT) são um conjunto de doenças que afetam membros superiores, inferiores ou coluna vertebral e que têm relação direta com as diferentes exigências das tarefas, ambientes físicos e com a organização do trabalho. Ergonomia é uma disciplina que estuda as interações dos homens com outros elementos do trabalho, fazendo aplicações da teoria, princípios e métodos de projeto, com o objetivo de melhorar o bem-estar humano e o desempenho no trabalho, com segurança. Para tal são utilizados diversos métodos de avaliação de risco ergonômicos, sejam por observação direta utilizando fotos ou filmagens ou indireta, através de uso de check-lists e questionários. Os membros superiores são comumente acometidos e para tal existem diversos métodos de avaliação, sendo o RULA o mais utilizado. A ferramenta HARM é um método simplificado para análise dos sintomas musculoesqueléticos para o braço, pescoço e/ou ombro nas diversas tarefas que envolvam os membros superiores. Embora o principal grupo-alvo sejam as empresas, também pode ser utilizada por consultores de saúde, ergonomistas e designers visando identificar os fatores de risco considerados mais importantes para que os profissionais de saúde e segurança no trabalho possam direcionar eficazmente medidas preventivas. Porém, esta ferramenta está disponível apenas na língua original holandesa e uma versão em inglês, não havendo uma versão adaptada para o português do Brasil. O objetivo deste estudo é analisar as propriedades de medida de confiabilidade teste e reteste da versão traduzida utilizando uma câmera digital para gravar 30 trabalhadores de um hospital universitário em suas respectivas funções e posteriormente fazer a observação e os cálculos das pontuações atingidas no HARM-BR em dois momentos com intervalo de um mês, através do ICC, p<0,05, CI de 95%, com o programa SPSS-20.