Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de imagens de alta resolução (espacial e temporal) da coleção planet de satélites para análise das características da frequência de inundação na região da Nhecolândia

Processo: 19/17440-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Pesquisador responsável:Célia Regina Montes
Beneficiário:Mariana Dias Ramos
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/14227-5 - Mudanças climáticas e impactos ambientais em áreas alagadas (wetlands) do Pantanal (Brasil): quantificação, fatores de controle e previsão em longo prazo, AP.PFPMCG.TEM
Assunto(s):Geoquímica ambiental   Sensoriamento remoto   Monitoramento ambiental   Análise de imagens   Análise de séries temporais   Nhecolândia (MS)

Resumo

O Pantanal é uma das maiores áreas alagadas (wetlands) do planeta, sendo a região da Nhecolândia, que apresenta mais de 10.000 lagoas, uma de suas paisagens mais icônicas. As lagoas da Nhecolândia podem ser classificadas em duas grandes categorias, lagoas salinas, e lagoas de água doce que são subdivididos em "baías" e "salobras". Embora as wetlands tenham se tornado ambientes-chave no gerenciamento de água e conservação da vida selvagem, ainda existem lacunas nas informações sobre seu funcionamento e dinâmica ambiental. O sensoriamento remoto por satélite oferece várias vantagens, para o monitoramento de recursos de áreas úmidas em diferentes escalas espaciais e temporais. Produtos e métodos de análise com base em dados orbitais têm sido amplamente utilizados para reconhecimento do padrão de inundação de áreas alagadas, consequentemente ajudando a ampliar o conhecimento dos processos geomorfológicos, hidrológicos e ecológicos dessas regiões. A análise de séries temporais é uma ferramenta poderosa para mapear e analisar variações de curto prazo nas características e dinâmicas da paisagem de áreas úmidas. Implantações recentes de sensores de alta resolução temporal e espacial em escala global, como a coleção de satélites da empresa Planet, podem ajudar no avanço de nosso conhecimento sobre o funcionamento hidrológico do Pantanal, principalmente na região da Nhecolândia, onde cheias anuais influenciam diretamente as condições hidrológicas e geoquímicas dos diferentes tipos de lagoas. A coleção apresenta uma combinação sem precedentes de imagens com tempo médio de revisitação de até 1 dia globalmente com imagens de 3 m de resolução espacial. Para estudo das variações hidrológicas usaremos como área piloto a região da Fazenda São Roque, onde são realizadas as amostragens de todas as ações que compõem o projeto temático ao qual a bolsa será vinculada.