Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização e gênese de horizontes de superfície em tecnossolos formados de rejeitos de calcário

Processo: 19/02548-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2019
Vigência (Término): 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Tiago Osório Ferreira
Beneficiário:Beatriz Marchese Silva
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Gênese do solo   Matéria orgânica do solo   Rejeitos de mineração   Carbono no solo   Antropia   Saltinho (SP)

Resumo

O novo grupo de solos, denominado Tecnossolos, é caracterizado por possuir materiais tecnológicos que sofreram grandes transformações provindas de atividades realizadas pelos seres humanos, isto é, são solos antrópicos originados de resíduos industriais ou urbanos como por exemplo rejeitos de mineração e construções. Este grupo é reconhecido pela World Reference Base for Soil Resources (WRB-FAO) desde 2006. A transformação destes materiais tecnológicos se dá pela interferência de fatores ambientais que, tanto solos artificiais como solos naturais estão submetidos à sofrer essa influência. Um exemplo, é a presença e o acúmulo de matéria orgânica na camada superior de Tecnossolos; que se foi notado por meio de estudos, indicando a presença de desenvolvimento de perfil e processo pedogenético primário decorrentes deste solo. Porém, apesar desta classe de solos possuir grande importância já que se estendem por uma ampla localização no globo, foram realizados poucos estudos sobre estes solos e seus processos em regiões tropicais, por esta razão este trabalho procura estudar uma área localizada no município de Saltinho - SP, onde encontra-se uma mineradora de calcário que despejou rejeitos em cavas de três áreas diferentes cultivando plantas divergentes no solo. Em duas delas, cultiva-se cana-de-açúcar, com seis e com dois anos de idade; na terceira cultiva-se pasto composto por Brachiária sp. com mais de 20 anos. O objetivo é analisar o estoque de C orgânico nos Tecnossolos, considerando também, o potencial de plantas que foram cultivadas nos mesmos para a formação de horizontes de superfície, para que assim consiga-se compreender melhor o desenvolvimento dos perfis e os processos pedogenéticos que ocorrem nestes solos nas regiões tropicais.