Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da terapia fotodinâmica e medicação intracanal de hidróxido de cálcio na resistência de união de pinos de fibra de vidro a dentina intrarradicular

Processo: 19/16171-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2019
Vigência (Término): 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Gustavo Sivieri de Araújo
Beneficiário:Fernanda Santos de Melo
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Resistência ao cisalhamento   Medicação intracanal   Fármacos fotossensibilizantes   Hidróxido de cálcio   Terapia fotodinâmica

Resumo

A terapia fotodinâmica (TFD), baseia-se em processos químicos, físicos e biológicos, que ocorrem quando ativa-se um fotossensibilizador (FS) por meio do Laser ou Led, para destruir a célula-alvo. Fortes evidências comprovaram a redução microbiana na Endodontia pela TFD, potencializando a ação do preparo biomecânico e da medicação intracanal. No entanto, não há estudos do efeito da TFD e medicação intracanal de hidróxido de cálcio na resistência de união de pinos de fibra de vidro a dentina intrarradicular. O objetivo do presente estudo consiste em avaliar o efeito da terapia fotodinâmica com o fotossensibilizador azul de metileno e da medicação intracanal de hidróxido de cálcio, nas propriedades de resistência de união (RU) dos pinos de fibra de vidro (PFV) na dentina intrarradicular, além de analisar o padrão de fratura das amostras representativas. Serão utilizados 48 dentes incisivos bovinos recém extraídos, e será realizado o preparo biomecânico (PBM) em todos os canais radiculares (CR). Para realizar a TFD, será utilizado o FS azul de metileno ativado com Laser vermelho » 660nm. Distribuição dos grupos experimentais: G1-PBM + Água Deionizada (Controle Negativo); G2-PBM + Água Deionizada + Ca(OH)2 (Controle Positivo); G3-PBM + AM 0,005% + Ca(OH)2; G4-PBM + AM 0,01% + Ca(OH)2; G5-PBM + AM 0,005% + Laser Vermelho (TFD) + Ca(OH)2; G6-PBM + AM 0,01% + Laser Vermelho (TFD) + Ca(OH)2. Em seguida, os CR receberão medicação intracanal de hidróxido de cálcio por 14 dias. A seguir, será feita a remoção do selamento coronário e medicação intracanal, e os CR serão obturados e preparados para a cimentação dos PFV. A RU dos pinos de fibra de vidro na dentina intrarradicular será mensurada pelo teste de Push-Out em máquina de ensaio universal dos slices obtidos nos terços cervical, médio e apical. O padrão de fratura das amostras representativas será qualificado pela Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV). Os dados obtidos nos estudos serão submetidos ao teste de normalidade e as médias comparadas por testes estatísticos específicos (±=0,05).