Busca avançada
Ano de início
Entree

Escolha de parceiras em uma aranha com presente nupcial: machos ajustam seu investimento reprodutivo em resposta à condição corporal das fêmeas?

Processo: 19/12816-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2019
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Pesquisador responsável:Glauco Machado
Beneficiário:Diego Esteban Solano Brenes
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ecologia comportamental   Seleção sexual   Capacitação espermática   Reprodução animal   Aranhas

Resumo

A escolha de parceiras pelos machos ocorre quando o macho faz um grande investimento na reprodução, seja para a obtenção de cópulas ou para cuidar da prole. Em espécies nas quais os machos oferecem um presente nupcial para as fêmeas antes ou durante a cópula, espera-se que os machos sejam seletivos na escolha de parceiras, pois a produção dos presentes é custosa. Neste projeto, testaremos se machos da aranha Paratrechalea ornata ajustam o investimento reprodutivo quanto 1) ao tamanho do presente, 2) à intensidade de cortejo e 3) à quantidade de esperma transferido com base na condição corporal das fêmeas. Segundo a hipótese de alocação diferencial positiva, espera-se que os machos tenham um investimento maior com fêmeas em melhor condição. Por outro lado, segundo a hipótese de alocação diferencial negativa, espera-se que os machos tenham um investimento maior com fêmeas em pior condição. O estudo será baseado em um experimento em laboratório no qual manipularemos a condição corporal das fêmeas e registraremos as respostas comportamentais masculinas. De uma perspectiva geral, o projeto funcionará como um teste da generalidade das hipóteses de alocação diferencial positiva e negativa, cujos estudos empíricos estão concentrados exclusivamente em vertebrados. Adicionalmente, o projeto trará informações inéditas sobre a possível existência de seleção de parceiras sexuais por machos em espécies que oferecem presas como presentes nupciais.