Busca avançada
Ano de início
Entree

Que é de esfarrapar e cerzir: trabalho, vidas operárias e cultura popular na Indústria Têxtil de Salvador, Bahia, 1940-1970.

Processo: 19/16210-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 30 de novembro de 2019
Vigência (Término): 29 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História
Pesquisador responsável:Fernando Teixeira da Silva
Beneficiário:Lucas Porto Marchesini Torres
Supervisor no Exterior: John D French
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Duke University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/01705-9 - Movimentos sociais em disputa: repressão, lutas e experiências dos trabalhadores em Salvador (1947-1964), BP.DR

Resumo

Este projeto sustenta o pleito de Bolsa de Estágio de Pesquisa no Exterior (BEPE) e apresenta parte da pesquisa que se desenvolve no Brasil com financiamento da Fapesp. A partir da observação de uma categoria profissional específica, os têxteis, o projeto se propõe a analisar o conjunto de relações estabelecidas pelos trabalhadores entre si, com patrões e superiores, com lideranças ou agentes de polícia, a fim de entender o jogo de perseguições, interdependências e conquistas em que se envolviam. Pretende compreender as disputas, as concessões e os entendimentos que compõem um sistema onde há relações de barganhas e reciprocidades entre diferentes classes sociais, que manifestam aspirações diversas, ora aceitando, ora negando e às vezes multiplicando suas diferenças. A proposta de intercâmbio aqui apresentada visa também o desenvolvimento de uma análise histórica em perspectiva comparada entre a Bahia e a Carolina do Norte.