Busca avançada
Ano de início
Entree

Facilitadores e barreiras para pacientes com dor crônica participarem em programas de reabilitação à distância

Processo: 19/14032-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2019
Vigência (Término): 31 de outubro de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Bruno Tirotti Saragiotto
Beneficiário:Lívia Gaspar Fernandes
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão. Universidade Cidade de São Paulo (UNICID). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/24217-7 - A efetividade de um programa de tele-reabilitação para o tratamento da dor crônica musculoesquelética: programa e-Rehab, AP.JP
Assunto(s):Fisiologia musculoesquelética   Dor crônica   Telerreabilitação   Alfabetização em saúde   Internet   Disseminação de informação

Resumo

A dor crônica é um problema de saúde pública e provoca rupturas nas esferas biológica, psicológica e social dos pacientes. Estratégias de auto-gerenciamento da dor ocupam uma posição central no tratamento de dores crônicas e dependem de habilidades individuais que viabilizem mudanças de comportamento de forma ativa. Adequada interação com informações em saúde se faz necessária para implementação de estratégias de auto-gerenciamento. A Internet é um veículo de fácil acesso que permite disseminação de informações e ultrapassa barreiras geográficas para implementação de programas de reabilitação. Objetivos: Entender fatores envolvidos na busca, entendimento e interação com informações e programas em saúde na Internet pela perspectiva de pacientes com dor crônica. Métodos: O projeto será desenvolvido a partir de dois estudos: I) Estudo das propriedades clinimétricas da Digital Health Literacy Instrument, em que será avaliada a confiabilidade e validade convergente do mesmo para a população com dor crônica; II) Estudo qualitativo no qual serão realizadas entrevistas semi-estruturadas com pacientes com dor crônica da Atenção Básica para entender barreiras e facilitadores à busca de informações em saúde na Internet. A amostra será por saturação e os dados serão analisados tematicamente. Resultados Esperados: Espera-se que os dados obtidos permitam a formulação de diretrizes para o desenvolvimento de programas de reabilitação à distância, suprindo as maiores necessidades apresentadas pela população com dor crônica. (AU)