Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de aflatoxinas em petiscos para cães: ocorrência em bifinhos e seus ingredientes

Processo: 19/07567-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2019
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária
Pesquisador responsável:Andrezza Maria Fernandes
Beneficiário:Juelison da Silva Moura
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Assunto(s):Alimentação animal   Micotoxinas   CMS   Aflatoxinas   Farinhas   Cães   Cromatografia líquida de alta eficiência

Resumo

Micotoxinas são compostos gerados a partir do metabolismo secundário de algumas espécies de fungos e que quando presentes em ingredientes e alimentos destinados ao consumo humano e animal podem trazer riscos à saúde. As aflatoxinas constituem o grupo de uma das principais micotoxinas capazes de causar danos à saúde humana e animal. Os petiscos para cães tipo bifinho são compostos por ingredientes suscetíveis à contaminação fúngica, como derivados de cereais e subprodutos de origem animal. Este projeto tem por objetivo avaliar a ocorrência das aflatoxinas em petiscos do tipo bifinho destinados à alimentação de cães, bem como em seus principais ingredientes. A metodologia inclui a coleta de amostras mensais de petiscos e seus ingredientes por um período de 10 meses, totalizando 120 amostras analisadas ao final do experimento. Serão coletadas amostras de cinco diferentes formulações de bifinhos para cães, bem como seus ingredientes, que incluem: farelo de arroz, farinha de vísceras, farinha de carne e ossos, proteína de soja, farinha de trigo, carne de frango e fígado bovino ou suíno. As amostras serão submetidas à avaliação da atividade de água. Em seguida, serão detectadas e quantificadas as aflatoxinas B1, B2, G1 e G2, utilizando colunas de imunoafinodade para a etapa de purificação. A determinação das aflatoxinas será efetuada por cromatografia líquida de alta eficiência. Espera-se, portanto, conhecer o nível de contaminação por aflatoxinas nos petiscos tipo bifinhos e seus principais ingredientes, verificando se há correlação entre os resultados obtidos.