Busca avançada
Ano de início
Entree

Paradigmas em competição na crise da sociedade do trabalho: Foucault na revisão crítica dos estudos de periferia de São Paulo

Processo: 19/06469-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Sociologia Urbana
Pesquisador responsável:Paulo Eduardo Arantes
Beneficiário:Daniel Manzione Giavarotti
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Geografia urbana   Política social   Michel Foucault   Periferia   Modernização   São Paulo (SP)

Resumo

Os cinquenta e quatro anos de existência do loteamento periférico chamado Jardim Ibirapuera, localizado na Zona Sul da metrópole de São Paulo e estudado em nosso mestrado (2012) e doutorado (2018) acusam transformações não-desprezíveis nos termos de sua reprodução enquanto territorialidade internamente à metrópole de São Paulo. Ao longo destas pouco mais de cinco décadas a periferia, seus moradores, as relações sociais que ali se reproduziram e se gestam, bem como as articulações que estes territórios estabeleceram com as escalas nacional e mundial, vem sendo objeto de pesquisas acadêmicas. Por meio deste projeto de pós-doutorado pretendemos investigar as transformações teóricas verificadas na trajetória de sociólogos vinculados à tradição crítica brasileira que inauguraram e/ou se dedicaram ao debate sobre periferia de modo a alcançamos o significado da ruptura representada pela adesão a Michel Foucault no enquadramento analítico e crítico das transformações atuais observadas no modo de vida da população periférica (social) e na forma de ser da política (política), objetivando sobretudo articular tais mudanças aos desdobramentos contraditórios da acumulação de capital (economia) e sua crise. (AU)