Busca avançada
Ano de início
Entree

Do luto a luta: o movimento Mães de Maio na Baixada Santista de São Paulo

Processo: 19/10252-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2020
Vigência (Término): 30 de abril de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia
Pesquisador responsável:Ana Claudia Duarte Rocha Marques
Beneficiário:Matheus de Araújo Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Movimento popular   Movimentos sociais   Mães   Luto   Parentesco   Memória   Conflitos   Baixada Santista (SP)

Resumo

O presente projeto se direciona para a realização de uma etnografia do Movimento Mães de Maio na Baixada Santista do estado de São Paulo, região fundadora desse Movimento após os Crimes de Maio de 2006. Neste intento, realizarei uma observação participante como apoiador do Movimento, percorrendo suas redes de sociabilidade, encontros, atividades, mobilizações, articulações e enfrentamentos, buscando descrever e analisar as particularidades das Mães de Maio. Tomarei como ponto de partida da investigação conceitual as categorias nativas expressas no lema do Movimento, do luto à luta, que abrem caminho para a observação de outras categorias e tramas sociais das Mães, que serão acompanhadas analiticamente por algumas contribuições teóricas da antropologia da política, do parentesco, da antropologia da morte e da antropologia urbana, entre outras. Espera-se com esta pesquisa atingir uma compreensão interna dos modos de existência, percepções, ações, discursos e relações deste importante Movimento no cenário nacional, contribuindo para o desenvolvimento dos estudos antropológicos do conflito. (AU)