Busca avançada
Ano de início
Entree

Levantamento do comportamento de endurecimento por precipitação da liga multicomponente Ni35Cr29.5Co29.5Nb2.5Ti0.7Al2.8

Processo: 19/22590-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2019
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Metalurgia Física
Pesquisador responsável:Francisco Gil Coury
Beneficiário:Larissa Bitencourt Salvador
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Metalografia   Ligas de alta entropia   Endurecimento por precipitação   Ligas metálicas   Resistência mecânica   Difração por raios X   Microscopia eletrônica de varredura

Resumo

Ligas multicomponente ou de alta entropia são uma nova classe de ligas metálicas cuja principal característica é não possuírem um elemento principal. Dentre as ligas multicomponente já produzidas, as ligas monofásicas cúbicas de face centrada (CFC) do sistema CrCoNi figuram dentre os materiais de maiores tenacidades já descobertos. O endurecimento por precipitação é um importante mecanismo de endurecimento em ligas metálicas, em especial, pequenas adições de Ti e Al em ligas multicomponente do sistema CrCoNi CFC tendem a gerar precipitados finos e coerentes que aumentam substancialmente a resistência mecânica destas ligas. Através de cálculos termodinâmicos, uma composição CrCoNi com pequenas adições de Nb, Ti e Al (Ni35Cr29.5Co29.5Nb2.5Ti0.7Al2.8) foi selecionada para este estudo. A adição de Nb visa a formação de precipitados gama' e gama'', similares aos formados na liga Inconel 718, amplamente utilizada na indústria aeronáutica, mas com a matriz mais tenaz de uma liga CrCoNi. Um estudo preliminar apresentado aqui mostra que esta liga apresenta alto potencial para exibir de fato este mecanismo de endurecimento por precipitação. Neste estudo serão produzidos lingotes desta liga, eles serão homogeneizados e envelhecidos em duas temperaturas por diferentes tempos. Curvas de endurecimento por precipitação serão levantados para as duas diferentes temperaturas. Amostras em algumas condições serão caracterizadas por difração de Raios X e microscopia eletrônica de varredura. Os resultados serão analisados para se compreender o real potencial desta liga de um ponto de vista de propriedades mecânicas. (AU)