Busca avançada
Ano de início
Entree

Fontes de distúrbios ionosféricos propagantes sobre a Cordilheira dos Andes

Processo: 19/22548-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2021
Vigência (Término): 30 de setembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Pesquisador responsável:Cristiano Max Wrasse
Beneficiário:Cosme Alexandre Oliveira Barros Figueiredo
Supervisor no Exterior: Sharon L Vadas
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Northwest Research Associates, Boulder (NWRA), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:18/09066-8 - Distúrbios ionosféricos propagantes observados sobre a cordilheira dos andes utilizando mapas/keogramas de conteúdo eletrônico total perturbado, BP.PD
Assunto(s):Ondas gravitacionais   Ionosfera

Resumo

Distúrbios ionosféricos propagantes (TIDs) são flutuações no plasma ionosférico, influenciados por ondas de gravidade originadas de várias fontes, por exemplo, tempestades convectivas, terremotos, orografia, aquecimento auroral, e entre outros. Na América do Sul, as fontes desses TIDs não foram investigadas profundamente e não há estudos anteriores nesta linha de pesquisa. Portanto, o projeto propõe investigar as fontes dos TIDs na Cordilheira dos Andes. Para fazer isso, usaremos a técnica de ray tracing para investigar onde esses TIDs se originam, como por exemplo, tempestades orográficas e / ou convectivas, além de analisar a propagação vertical destas ondas na atmosfera.