Busca avançada
Ano de início
Entree

Momento articular durante a iniciação da marcha em pessoas com Doença de Parkinson

Processo: 19/24752-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 24 de fevereiro de 2020
Vigência (Término): 23 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Educação Física
Pesquisador responsável:Fabio Augusto Barbieri
Beneficiário:Murilo Henrique Faria
Supervisor no Exterior: Shirley Rietdyk
Instituição-sede: Faculdade de Ciências (FC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Local de pesquisa : Purdue University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:18/21870-7 - O impacto da assimetria na atividade cortical durante o início do andar com e sem presença de obstáculo em pessoas com Doença de Parkinson, BP.IC
Assunto(s):Assimetria   Controle motor   Doença de Parkinson

Resumo

Pessoas com doença de Parkinson DP apresentam assimetria durante os estágios iniciais da doença, e pode persistir ao longo de sua progressão. A assimetria na DP pode auxiliar no diagnóstico da doença, pois a diferencia de outras doenças neurodegenerativas. Outro fator que pode influenciar o início do andar é a diminuição dos momentos articulares apresentado por pessoas com DP, ocasionados por danos na força e resistência muscular, que alteram o comportamento dos movimentos nessa população. Além disso, é possível que a assimetria e a diminuição do momento articular influenciem o início da marcha, prejudicando a mobilidade das pessoas com DP, pois nesse período são necessários ajustes posturais antecipatórios e estabilidade postural para um início seguro do andar. Entretanto, pouco se sabe sobre os efeitos da assimetria e do momento articular durante o início do andar nessa população. Assim, o objetivo do projeto de estágio é expandir o conhecimento do aluno sobre as novas análises relacionadas ao momento articular e os cálculos avançados necessários para essa análise. Também, melhorar ainda mais a análise dos dados deste projeto em desenvolvimento no Brasil. Todos os dados da iniciação do andar já foram coletados. Todas as variáveis do centro de pressão (CoP), no sentido mediolateral e anteroposterior, serão analisadas, além das forças de reação do solo e variáveis relacionadas aos parâmetros espaço-temporais. Assim, esses achados podem indicar se essa população é influenciada pela assimetria e também pelo momento articular dos membros inferiores, como articulações do quadril, joelho e tornozelo. Durante o período de estágio, o aluno aprenderá sobre os cálculos necessários para a análise conjunta do momento, além de participar de reuniões científicas e auxiliar na coleta de dados. As atividades desenvolvidas neste período serão de grande importância no aprendizado teórico sobre o momento articular, principalmente na DP.