Busca avançada
Ano de início
Entree

Políticas públicas top-down no desenvolvimento de clusters de negócios: análise comparada de fatores de êxito os modelos norueguês e basco

Processo: 19/17924-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2020
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Empresas
Pesquisador responsável:Renato Telles
Beneficiário:Gabriel Gomes Ferreira
Instituição-sede: Vice-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa. Universidade Paulista (UNIP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Políticas públicas   Redes de negócios   Relação de emprego   Arranjos produtivos locais   Modelos organizacionais

Resumo

Políticas públicas top-down para o fomento de clusters de negócios (CN) compreendem iniciativas, estratégias e, particularmente, ações relacionadas à promoção deliberada dos agrupamentos de negócios correlatos e geograficamente concentrados. Na academia, existe um consenso a respeito do fato de não ser aparentemente possível a construção de um modelo único de emergência e evolução de clusters competitivos que possa servir da mesma forma a todos os clusters. Através de análise comparativa entre dois programas de políticas de desenvolvimento de clusters (PDC), utilizando a abordagem de ciclo de vida, planeja-se esboçar o processo evolucionário de clusters vinculados aos programas, cotejando-se as duas experiências, considerando-se o ambiente institucional de cada região onde foi implementado cada programa, viabilizando a identificação de padrões, características ou fatores estruturantes associados a políticas públicas, que tornaram possível o sucesso competitivo dos clusters instalados nessas regiões. A contribuição do presente estudo relaciona-se ao avanço no entendimento da relação entre ações governamentais e desenvolvimento de cluster de negócios, procurando oferecer bases para o desenvolvimento de um modelo conceitual relacionando políticas públicas e fomento de CN, considerando ambientes institucionais distintos. A pesquisa será feita buscando a descrição de políticas públicas utilizadas em cada programa, distribuídas ao longo do tempo e confrontadas com dados de ambiente institucional, focalizando-se na identificação de condicionantes invariantes ou associados ao sucesso de políticas topdown de fomento de clusters de negócios.