Busca avançada
Ano de início
Entree

Manejo localizado de nitrogênio (n) em lavouras de cana-de-açúcar por meio do mapeamento da condutividade elétrica aparente (CEA) do solo

Processo: 19/18779-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Guilherme Martineli Sanches
Beneficiário:Mariana Ayres Rodrigues
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Pedologia   Agricultura de precisão   Manejo do solo   Fertilizantes nitrogenados   Fertilidade do solo   Condutividade elétrica   Variabilidade espacial

Resumo

Estimativas da Empresa Brasileira de Pesquisa Energética (EPE) apontam que em 2030 o Brasil deverá produzir 945 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, ~40% a mais do que o país produziu na última safra agrícola. A expansão da produção de cana-de-açúcar está associada com aumento no consumo de fertilizantes nitrogenados, que contribuem para emissões de gases de efeito estufa. Se o manejo de fertilizantes nitrogenados não for realizado de maneira adequada, os impactos ao ambiente podem ser danosos. A abordagem oferecida pela Agricultura de Precisão (AP) pode auxiliar a obtenção de maiores rendimentos e sustentabilidade da produção. Entre as diversas tecnologias, a avaliação alternativa do estado nutricional de nitrogênio (N) na cana-de-açúcar utilizando sensoriamento remoto e proximal tem se destacado na literatura como opção promissora para adubação eficiente das lavouras. Por outro lado, o mapeamento da variabilidade espacial do solo também pode contribuir significativamente para racionalização da aplicação de insumos, inclusive o N, apesar de pouco utilizada em estudos de AP. Entre as diversas tecnologias, o mapeamento da condutividade elétrica aparente (CEa) do solo tem se destacado no mapeamento do potencial produtivo e da fertilidade dos solos. Diante do contexto, este projeto tem como objetivo investigar a resposta da cultura de cana-de-açúcar à adubação nitrogenada em função da variabilidade espacial do solo identificada pela CEa, buscando identificar os parâmetros do solo que maximizam a Eficiência de Utilização do Nitrogênio (NUE). Espera-se que os resultados da presente pesquisa auxiliem no desenvolvimento de novos produtos e modelos que permitam a otimização da aplicação de fertilizantes nitrogenados nos canaviais, contribuindo para aumentar a rentabilidade da produção e reduzir os impactos ambientais.