Busca avançada
Ano de início
Entree

Tratamento de sementes de soja com zinco: absorção e distribuição durante a germinação e desenvolvimento das plântulas, avaliada por espectroscopia de Raios X, e sua relação com o desempenho das plantas

Processo: 19/17967-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2019
Vigência (Término): 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Francisco Guilhien Gomes Junior
Beneficiário:Lívia Araújo Rohr
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:18/13139-0 - Desenvolvimento de procedimentos de análise de imagens para avaliar características físicas, químicas e fisiológicas de sementes e plântulas, AP.ESCIENCE.R
Assunto(s):Tecnologia de sementes   Análise de imagens   Fluorescência de raio X   Glycine max

Resumo

O zinco é cofator em reações enzimáticas e, portanto, participa em vários ciclos bioquímicos das plantas, incluindo a fotossíntese e síntese de açúcares, síntese de proteínas, fertilidade e produção de sementes, regulação do crescimento e defesa contra doenças. O objetivo deste projeto é avaliar a absorção e distribuição de Zn, aplicado via tratamento de sementes, durante a germinação e o desenvolvimento de plântulas de soja utilizando a espectroscopia de raios X e associar com o desempenho das plantas no estádio fenológico V2 (primeira folha trifoliolada totalmente desenvolvida ou dois nós). Dois lotes de sementes de um mesmo cultivar apresentando níveis diferentes de vigor serão tratados com as doses de 0, 2, 4 e 8 g de Zn por kg de semente, utilizando como fonte óxido de zinco micronizado (ZnO). O tratamento controle será constituído por sementes não tratadas. A absorção e distribuição deste elemento nas sementes e plântulas serão mapeadas por espectroscopia de raios X. Avaliações de área foliar, altura de planta, massa seca de raiz e parte aérea e teor e acúmulo de zinco pelas plantas serão realizadas no estádio fonológico V2. A eficiência de absorção de Zn pelas plântulas de soja dos lotes de menor e maior vigor de sementes será comparada com as avaliações de plantas em V2. (AU)