Busca avançada
Ano de início
Entree

Fontes, alvos e respostas biológicas de espécies tripletes e oxigênio singlete: patogenicidade e supressão

Processo: 19/24515-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2020
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Radiologia e Fotobiologia
Pesquisador responsável:Etelvino José Henriques Bechara
Beneficiário:Luiz Duarte Ramos
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/22501-2 - Quimiexcitação eletrônica em sistemas biológicos: bioluminescência e 'foto'química no escuro, AP.TEM
Assunto(s):Fotoquímica   Bioluminescência   Oxigênio singleto   Virulência   Supressão

Resumo

Através do projeto temático "Quimiexcitação eletrônica em sistemas biológicos: bioluminescência e 'foto'química no escuro" concedido pela FAPESP sob o número de processo 2017/22501-2 ao Laboratório de Bioluminescência de Fungos (LBF) do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (IQ-USP), foram oferecidas duas bolsas de estágio de pós-doutoramento a candidatos portadores do título de doutor. O presente subprojeto é destinado ao preenchimento de uma das vagas disponíveis para o estágio de pós-doutoramento, o qual irá abranger as metas 1,3 e 4 do referido projeto temático mencionado anteriormente. Em um panorama global dos objetivos almejados durante a elaboração do projeto tem-se como finalidade a investigação de mecanismos de geração radicalar ou enzimática de espécies quimiexcitadas eletronicamente em sistemas biológicos capazes de causar danos em proteínas e no DNA disparando respostas adversas. Entre elas pode-se destacar: (i) a dimerização ciclobutânica de pirimidinas de DNA, mutagênica, na ausência de luz e sua supressão por sorbatos; (ii) modificação de hemeproteinas (HRP, mioglobina, hemoglobina) na presença de H2O2, com perda de atividade peroxidásica; (iii) busca de novas fontes de oxigênio singlete, especificamente acroleina e formilhidrazina, encontrada em algumas espécies de cogumelos tóxicos (ex, Gyromitra esculenta); e (iv) geração enzimática de produtos carbonílicos tripletes em sistemas-modelo de estresse oxidativo e carbonílico. Estudos cineticos, espectroscópicos, marcac'ao isotopica e métodos fotoquimicos e fotofisicos serão utilizados como abordagens experimentais para desenvolvimento deste projeto. O objetivo principal e a grande motivação deste projeto está em acumular conhecimentos no campo de quimiexcitação eletrônica em biomedicina, além de desenvolver ferramentas bioanalíticas e promover colaborações internacionais. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)