Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise técnica-econômica para a aplicação de Internet das Coisas em edifícios inteligentes: estudo de caso

Processo: 19/20446-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2020
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos
Pesquisador responsável:Juan Carlos Cebrian Amasifen
Beneficiário:Vinicius Sonego Grechi
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental de Itapeva. Itapeva , SP, Brasil
Assunto(s):Internet das coisas   Edifícios inteligentes   Climatização   Iluminação artificial   Relatos de casos

Resumo

Atualmente, os edifícios residenciais ou comerciais possuem diferentes equipamentos destinados a atender as necessidades dos usuários em relação a conforto térmico, iluminação, segurança, entre outros. A disponibilidade destes equipamentos tem o objetivo de criar um ambiente agradável para que os usuários possam desenvolver suas atividades diárias. Entretanto, grande parte do desperdício de energia elétrica nos sistemas de climatização e iluminação é atribuído ao mal-uso dos equipamentos. Isto ocorre principalmente porque o critério para o ligamento e desligamento dos equipamentos depende dos próprios usuários alocados no ambiente físico. Neste projeto os conceitos de Internet das Coisas - IoT e edifícios inteligentes (Smart Building) serão estudados com o intuito que criar uma retrofit tecnológica dos sistemas de climatização e iluminação nas edificações comuns sem a necessidade de intervir diretamente na infraestrutura local de forma a obter um baixo custo de implementação. Para isso, sensores e atuadores serão analisados e distribuídos em pontos estratégicos, com o intuito de monitorar e identificar o comportamento dos usuários e, dessa forma, oferecer ações/serviços mais eficientes. Além disso, o projeto irá coletar a curva de carga típica e real de uma edificação, isto será feito com o intuito de conhecer o gasto energético nos sistemas de climatização e iluminação. Esta informação servirá de base para a elaboração de um estudo técnico-econômico em relação a alternativas tecnológicas associadas com IoT, de forma a aumentar a eficiência energética do edifício sem comprometer as preferências dos usuários. Sendo assim, o projeto proposto visa elaborar os procedimentos necessários para que edifícios comuns possam ser aptos a se tornar edifícios inteligentes. (AU)